Você está aqui: Página Inicial curitiba Estrutura do Câmpus Diretorias Diretoria de Pesquisa e Pós-Graduação Mestrado e Doutorado CPGEI Edital de Defesas 2015 CPGEI (Doutorado): Hugo Alberto Perlin-08/12/15

CPGEI (Doutorado): Hugo Alberto Perlin-08/12/15

Defesa Pública de Doutorado do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica e Informática Industrial
Quando 08/12/2015
das 14h00 até 18h00
Onde Sede Central: Sala de Videoconferência
Nome do Contato Prof. Heitor Silvério Lopes
Participantes Prof. Heitor Silvério Lopes, Dr. - CPGEI/UTFPR - Orientador
Banca examinadora:
Prof. Heitor Silvério Lopes, Dr. - CPGEI/UTFPR - Presidente
Prof. Alessandro L. Koerich, Dr. - ETS/Canada
Prof. Alceu de Souza Britto Jr, Dr. - PUCPR
Prof. Hugo Vieira Neto, Dr. - CPGEI/UTFPR
Profa. Lúcia Valéria Ramos de Arruda, Dra. - CPGEI/UTFPR
Prof. Chidambaram Chidambaram, Dr. - UDESC
Adicionar evento ao calendário vCal
iCal

Uma contribuição para descrição semântica de imagens e vídeos: uma aplicação de biometrias fracas

Resumo: Os seres humanos possuem uma alta capacidade de extrair informações de dados visuais, adquiridos por meio da visão. Através de um processo de aprendizado, que se inicia ao nascer e continua ao longo da vida, a interpretação de imagens passa a ser feita de maneira quase instintiva. Em um relance, uma pessoa consegue facilmente descrever com certa precisão os componentes principais que compõem uma determinada cena. De maneira geral, isto é feito extraindo-se características de baixo nível, como arestas, texturas e formas, e associando-as com significados de alto nível. Ou seja, realiza-se uma descrição semântica desta cena. Um exemplo disto é a capacidade de reconhecer outras pessoas e descrever suas características físicas e comportamentais. A área de visão computacional tem como principal objetivo desenvolver métodos capazes de realizar interpretação visual com desempenho similar aos humanos. Estes métodos englobam conhecimento de aprendizado de máquina e processamento de imagens. Esta tese tem como objetivo propor métodos de visão computacional que permitam a extração de informações de alto nível na forma de biometrias leves. Estas biometrias representam características inerentes ao corpo e ao comportamento humano. Porém, não permitem a identificação unívoca de uma pessoa. Para tanto, este problema foi abordado de duas formas, aprendizado não-supervisionado e supervisionado. A primeira busca agrupar as imagens através de um processo de aprendizado automático de extração de características, empregando técnicas de convoluções, computação evolucionária e clusterização. Nesta abordagem as imagens utilizadas contém faces e pessoas. A segunda abordagem emprega redes neurais convolucionais, que possuem a capacidade de operar sobre imagens cruas, aprendendo tanto o processo de extração de características quanto a classificação. Aqui as imagens são classificadas de acordo com gênero e roupas, divididas em parte superior e inferior do corpo humano. A primeira abordagem, quando testada com diferentes bancos de imagens, obteve uma acurácia de aproximadamente 80% para faces e não-faces e 70% para pessoas e não-pessoas. A segunda, testada utilizando imagens e vídeos, obteve uma acurácia de cerca de 70% para gênero, 80% para roupas da parte superior e 90% para a parte inferior. Os resultados destes estudos de casos, mostram que os métodos propostos são promissores, permitindo a realização de anotação automática de informações de alto nível. Isto abre possibilidades para o desenvolvimento de aplicações em diversas áreas, como busca de imagens e vídeos baseada em conteúdo e segurança por vídeo, reduzindo o esforço humano nas tarefas de anotação manual e monitoramento.
Palavras-chave: Visão Computacional, Aprendizado De Máquina, Aprendizado Profundo, Descrição Semântica, Biometrias Fracas

A contribution to semantic description of images and videos: an application of soft biometrics

Abstract: Humans have a high ability to extract visual data information acquired by sight. Trought a learning process, which starts at birth and continues throughout life, image interpretation becomes almost instinctively. At a glance, one can easily describe a scene with reasonable precision, naming its main components. Usually, this is done by extracting low-level features such as edges, shapes and textures, and associanting them to high level meanings. In this way, a semantic description of the scene is done. An example of this, is the human capacity to recognize and describe other people physical and behavioral characteristics, or biometrics. Soft-biometrics also represents inherent characteristics of human body and behaviour, but do not allow unique person identification. Computer vision area aims to develop methods capable of performing visual interpretation with performance similar to humans. This thesis aims to propose computer vison methods which allows high level information extraction from images in the form of soft biometrics. This problem is approached in two ways, unsupervised and supervised learning methods. The first seeks to group images via an automatic feature extraction learning , using both convolution techniques, evolutionary computing and clustering. In this approach employed images contains faces and people. Second approach employs convolutional neural networks, which have the ability to operate on raw images, learning both feature extraction and classification processes. Here, images are classified according to gender and clothes, divided into upper and lower parts of human body. First approach, when tested with different image datasets obtained an accuracy of approximately 80% for faces and non-faces and 70% for people and non-person. The second tested using images and videos, obtained an accuracy of about 70% for gender, 80% to the upper clothes and 90% to lower clothes. The results of these case studies, show that proposed methods are promising, allowing the realization of automatic high level information image annotation. This opens possibilities for development of applications in diverse areas such as content-based image and video search and automatica video survaillance, reducing human effort in the task of manual annotation and monitoring.
Keywords: Computer Vision, Machine Learning, Deep Learning, Semantic Description, Soft Biometrics

Lista de publicações:

PERLIN, HUGO ALBERTO ; LOPES, HEITOR SILVÉRIO . Extracting human attributes using a convolutional neural network approach. Pattern Recognition Letters. http://dx.doi.org/10.1016/j.patrec.2015.07.012

PERLIN, H.A.; Chidambaram, C.; Lopes, H.S.. Template Matching in Digital Images with Swarm Intelligence. In: Mehdi Khosrow-Pour. (Org.). Encyclopedia of Information Science and Technology. 3ed.Hershey, PA: IGI Global, 2014, v. , p. 645-653.

PERLIN, H.A. ; LOPES, H. S. . A Genetic Programming Approach For Image Segmentation. In: A. Chatterjee; P. Siarry. (Org.). Computational Intelligence in Image Processing. 1ed.Heidelberg: Springer-Verlag, 2012, v. , p. 69-87.

PERLIN, H.A. ; Lopes, H.S. . Metodologia Híbrida para Detecção de Pessoas em Vídeos. In: VIII Workshop de Visão Computacional, 2012, Goiânia, GO. Anais do VIII WVC1, 2012.

Ações do documento