Você está aqui: Página Inicial > Defesas > Doutorado - Alessandra Aparecida Pereira Chaves
conteúdo

Doutorado - Alessandra Aparecida Pereira Chaves

por dirppg-ct publicado 23/01/2019 10h03, última modificação 18/02/2019 08h29
Consumo e meio ambiente na modernidade: dimensões educacionais e tecnológicas
Quando
26/02/2019
de 09h30 até 12h30
(America/Sao_Paulo / UTC-300)
Onde
Sede Central: Sala C-301
Pessoa de contato
Profa. Maclovia Corrêa da Silva
Participantes
Profa. Maclovia Corrêa da Silva, Dra. Orientadora - UTFPR
Banca examinadora:
Profa. Maclovia Corrêa da Silva, Dra. Presidente - UTFPR
Prof. Eloy Fassi Casagrande Junior, Dr. UTFPR
Profa. Liane Vargas, Dra. - UFPR
Profa. Alessandra Galli Aprá, Dra. - UNICURITIBA
Prof. Alexandre Borges Fagundes, Dr. - UDESC
Adicionar evento ao calendário
iCal

Consumo e meio ambiente na modernidade: dimensões educacionais e tecnológicas

Resumo: Ações e fatores que se interpuseram na composição dos padrões de consumo da sociedade moderna, em uma dimensão que ultrapassa a história e as fronteiras das nações, tem sido motivo de estudos e pesquisas por autores de diferentes áreas do conhecimento. O objetivo da pesquisa desta Tese consistiu em investigar o consumo e meio ambiente, trabalhados em escolas de Curitiba-PR, em sintonia com a ciência, tecnologia, meio ambiente e educação. Utilizou-se a metodologia qualitativa, com consulta a documentos impressos e eletrônicos sobre a construção de valores sociais, econômicos, ambientais e culturais no decorrer dos séculos XX e XXI. Foram organizados cursos de extensão e atividades no espaço escolar para entender como o consumo está relacionado com a produção industrial, os avanços tecnológicos, a informação, os meios de divulgação e o meio ambiente. Desta forma, verificou-se que a pluralidade de percepções, procedimentos e atitudes estavam relacionadas aos temas interdisciplinares abordados nas práticas: resíduos sólidos urbanos, a água, robótica, compostagem e desperdício de alimentos, consumo infantil, gênero e artefato, empoderamento feminino, consumo e desapego, e educação financeira. O público, docentes e discentes, variou a cada oficina, e a frequência e atenção flutuaram conforme o interesse dos participantes. Embora o curso tenha sido anunciado com antecedência, e 15 profissionais se mostraram interessados, somente uma professora frequentou o curso até o final. Os discentes frequentaram as palestras juntamente com seus professores em dias alternados. O marco teórico restringe-se aos autores que discutem a questão do consumo e modernidade nas perspectivas da tecnologia, indústria, valores atribuídos aos bens e serviços, ética, sustentabilidade, educação ambiental, e educação. Concluiu-se que as implicações decorrentes dos atos de consumo e o consumismo, quando tratados na escola em todos os componentes curriculares, atingem um público relevante, que está se preparando para atuar na sociedade como profissional e como consumidor. Uma vez que as pessoas são consumidoras, que possuem comportamentos diferenciados, sobretudo com os avanços nos meios de comunicação, é preciso considerar as consequências desta realidade sobre a vida no planeta. A oportunidade de reflexão e de trabalhar a interdisciplinaridade na escola ampliou os olhares, em especial, dos próprios palestrantes e daqueles que se manifestaram durante o trabalho. Os conflitos e as contradições permanecem no cruzamento da oferta de recursos diversos de convencimento para comprar constantemente, e nas demandas fundamentadas em necessidades e desejos.
Palavras-chave: Consumo; modernidade; tecnologia, educação; meio ambiente.

Consumption and the environment in modernity: educational and technological dimensions

Abstract: Actions and factors that contribute to the determination of consumption patterns of modern society, in a dimension that goes beyond history and the borders of nations, have been the subject of studies and researches by authors of different knowledge areas. The objective of this dissertation is to investigate the consumption and environment, working at Curitiba’s schools, in tune with science, technology, environment and education. Qualitative methodology was prioritized, with real and electronic documents about social, economic and cultural values during the XXth and XXIth centuries. Short extension courses and activities at school space were organized to understand how consumption is related to industrial production, technological advances, information, means of dissemination and the environment. It was verified that the plurality of perceptions, procedures and attitudes was related the interdisciplinary themes in the practices: urban solid residues, water, robotics, composting and food waste, child consumption, gender and artifact, female empowerment, consumption and detachment, and financial education. The audience, teachers and students, varied with each workshop, and frequency and attention was inspired by the participant’s interests. Even though the courses have been announced in advance, and 15 professionals were interested, only one teacher attended the course until the end. The students attended the workshops with the regent teacher. The theoretical framework is restricted to authors who discuss consumption and modernity in the perspectives of technology, industry, values and services, ethics, sustainability, environmental education, and education. The conclusion shows the implications of consumption of goods and services, especially at school, present in all curricular sectors, and its consequences for the students that are being prepared to act as a professional and consumer in the modern society. Since people are consumers, with behavior differences, especially with the media advances, it is necessary to consider the reality effects on life’s planet. An opportunity for reflection and to work with interdisciplinarity at school widened the visions, in particular, of the own speakers and those that manifested themselves during the workshops. Conflicts and contradictions remain in the intersection of the supply of various resources for convincing to buy constantly, and in the demands based on needs and desires.
Keywords: Consumption; modernity; technology, education; environment.


Lista de publicações:
Capítulo de livro: Universidade-escola: educação ambiental na Rede municipal de ensino de Curitiba (Interdisciplinaridade para além da sala de aula. Organizado por: Silvania Sousa do Nascimento; Mara Regina Batista). Belo Horizonte, 2017.
Eventos:  VII Esocite.com.br . Brasília. “Educação Ambiental no contexto escolar e na comunidade curitibana”, 2017.  IV Congresso Nacional de Educação Ambiental & VI Encontro Nordestino d Biogeografia. “Sites dedicados ao Mote do Consumo e do Meio Ambiente”. João Pessoa, 2016. CONCIS - Congresso Internacional UNINTER, de conhecimento, inovação e sustentabilidade. “A biodiversidade no pensamento filosófico”. Curitiba, 2015.  Conferência da Terra. Fórum Internacional do Meio Ambiente. “Consumo e Modernidade em cursos de extensão universitária”. João Pessoa, 2018.