Você está aqui: Página Inicial > Defesas > PPGTE (Doutorado): Alessandro Casagrande
conteúdo

PPGTE (Doutorado): Alessandro Casagrande

por ppgte-ct publicado 13/11/2018 09h54, última modificação 13/11/2018 09h54
Índice agroambiental para avaliar o uso de agrotóxicos (iaa) no Estado do Paraná
Quando
01/02/2018
de 09h00 até 13h00
(America/Sao_Paulo / UTC-200)
Onde
Sede Central: Sala C-301
Pessoa de contato
Profa. Maclovia Corrêa da Silva
Participantes
Profa. Maclovia Corrêa da Silva, Dra. Orientadora - UTFPR
Banca examinadora:
Profa. Maclovia Corrêa da Silva, Dra. Presidente - UTFPR
Prof. Eloy Fassi Casagrande Junior, Dr. - UTFPR
Prof. Eduardo Gomes Pinheiro , Dr. - CEPED-PR
Profa. Danyelle Stringari , Dra. - UNESPAR
Prof. Julio Carlos Bittencourt Veiga Silva , Dr. - EMATER
Adicionar evento ao calendário
iCal

Resumo: Esta pesquisa teve como objetivo geral desenvolver uma metodologia para o monitoramento do impacto do uso de agrotóxicos sobre o território paranaense. O estudo também considerou os objetivos específicos: i) propor o desenvolvimento do índice agroambiental para monitoramento do uso de agrotóxicos em bacias hidrográficas; ii) investigar a relação de indicadores que subsidiem o monitoramento de uso de agrotóxicos; iii) geoespacializar os dados na bacia em estudo por meio de mapas temáticos. A pesquisa propôs a criação de um índice baseado em três indicadores agroambientais: a) Indicador 1 - média da quantidade de quilos/litros de agrotóxicos por hectare por ano de área agricultável expresso no receituário agronômico dos produtos formulados receitados; b) Indicador 2 - potencial de periculosidade ambiental dos agrotóxicos e c) Indicador 3 - pluviosidade média anual de cada município para representar um maior ou menor grau de potencial de run-off. A pesquisa foi realizada em duas etapas: a etapa de cálcu e de produção cartográfica (mapas temáticos). Na etapa de cálculos, foi desenvolvida uma metodologia para tabular um grande conjunto de dados do SIAGRO - Sistema de Monitoramento do Comércio e Uso de Agrotóxicos do Estado do Paraná no intuito de subsidiar os indicadores. Na etapa cartográfica foram produzidos os mapas temáticos coropléticos no sentido de facilitar a visualização da informação geoespacializada. O estudo demonstrou ser possível utilizar o índice para elencar municípios prioritários para a gestão do risco agroambiental dentro de uma bacia hidrográfica, traduzindo uma grande quantidade de dados no recorte temporal estabelecido. Desta forma, possibilitou diminuir as aproximações na modelagem dos indicadores de uso de agrotóxicos utilizados atualmente no país.
Palavras-chave: Índice agroambiental. Indicadores. Agrotóxicos. Bacias hidrográficas. Gestão do risco.

Agro-environmental index to evaluate the use of pesticides (iaa) in the state of paraná

Abstract: The general objective of this research was to develop a methodology for the monitoring impact of pesticides use in agriculture on the Paraná State environment. The study also considers the specific objectives: i) to propose the the agro-environmental index for monitoring the use of pesticides in river basins; ii) to investigate the list of indicators that subsidize the monitoring of the use of pesticides; iii) to geospatial data in the basin under study through thematic maps. The research proposed the creation of an index based on three agri - environmental indicators: a) indicator 1 - average amount of kilos/liters of pesticides per hectare of arable area expressed in the agronomic prescription of formulated products; b) indicator 2 - potential environmental hazard of pesticides and c) indicator 3 - annual average rainfall of each municipality to represent a greater or lesser degree of runoff potential. The research was carried out in two stages: the calculations part and cartographic production (thematic maps). In the calculation part, a methodology was developed to tabulate a large dataset derived from SIAGRO - Monitoring System of the Trade and Use of Pesticides in the State of Paraná, to subsidize the indicators. In the cartographic part, the thematic maps were produced to facilitate the visualization of geospatial information. The study demonstrated that it is possible to use the index to list priority municipalities for agro-environmental risk management within a river basin, translating a large amount of data into the established biennium. In this way, the main contribution of this work is the proposal of error reduction method in the modeling of pesticides indicators of use currently in the country.
Keywords: Agro-environmental index. Indicators. Pesticides. Watersheds. Risk management.

Lista de publicações:


LIVRO: Urbanização e Gestão do Risco de Erosão de Solos no Estado do Paraná. Saarbrücken, Germany : OmniScriptum AraPers GmbH (Novas Edições Acadêmicas), 2017 p.160 

Pedro Junior da Silva /; CASAGRANDE, A. REFLEXÕES SOCIOAMBIENTAIS:INTERFACES. LONDRINA : MECENAS, 2014, v.01. p.207. 

CASAGRANDE, A. A REVOLUÇÃO VERDE COMO PROCESSO DE COLONIALIDADE DO SABER NA AMÉRICA LATINA In: Produtos agroalimentares e desenvolvimento regional.1 ed.Santo Ângelo-RS : FURI, 2016, v.2, p. 1-500. 

CASAGRANDE, A.; Pedro Junior da Silva / Mudanças Climáticas: Controvérsias e Incertezas sobre o Aquecimento Global na Divulgação Científica. In: Reflexões socioambientais: Interfaces.1 ed.Londrina : Mecenas, 2014, p. 149-164.