Você está aqui: Página Inicial > Defesas > PPGTE (Mestrado): Manuelle Lopes Quintas Bressan
conteúdo

PPGTE (Mestrado): Manuelle Lopes Quintas Bressan

por vaniagalliciano publicado 12/09/2018 13h00, última modificação 12/09/2018 13h00
SCRATCH! Um Estudo de Caso
Quando
09/12/2016
de 09h00 até 12h00
(America/Sao_Paulo / UTC-200)
Onde
Sede Central: Sala C-301
Pessoa de contato
Participantes
Profa. Marília Abrahão Amaral, Dra. Orientadora - UTFPR
Banca Examinadora:
Profa. Faimara do Rocio Strahus, Dra. Presidente - UTFPR
Profa. Sílvia Amélia Bim, Dra. - UTFPR
Profa. Clecí Körbes, Dra. - UFPR
Adicionar evento ao calendário
iCal

Resumo: O estudo objetivou analisar como e se um Ambiente Visual de Programação pode contribuir apoiando os processos criativos de adolescentes, sendo uma ferramenta auxiliar para a aprendizagem pela solução de problemas, incitando novas formas de utilização das TIC na educação. O presente estudo justifica-se pela necessidade de aprofundar as questões relacionadas ao uso das TIC pelos docentes da Educação Básica e não apenas o uso de projetores e vídeos para substituir o quadro de giz, ou ferramentas de pesquisa em sites de busca apenas para transmitir informações de maneira a privilegiar as metodologias tradicionais de ensino. Como metodologia de pesquisa optou-se pela abordagem qualitativa de natureza interpretativa do tipo estudo de caso múltiplo. A apreensão dos dados foi em campo experimental por meio de questionário socioeducacional e diários de bordo, seguida da análise de conteúdos e descrição dos resultados obtidos. Os participantes do estudo foram adolescentes de 13 escolas públicas e privadas de Ensino Fundamental e do Ensino Médio no Município de Araucária-Pr. O estudo evidenciou o desenvolvimento das funções psicológicas superiores, pensamento computacional nos estudantes como atenção, memória e percepção. Estas habilidades foram observadas durante a elaboração dos projetos, por meio das habilidades de compreensão, planejamento, retrospecto e desenvolvimento de estratégias individuais e coletivas para a solução dos problemas encontrados. Este estudo se diferencia de outros já realizados com o Scratch, pois, enfatiza a busca da liberdade e criatividade dos sujeitos discentes na elaboração de projetos próprios, como estratégia para a autonomia.
Palavras-chave: Programação. Pensamento criativo. Trabalho colaborativo. Aprendizagem pela Solução de Problemas. Autonomia.

SCRATCH! A Case Study

Abstract: The study aimed to analyze how and if a Visual Programming Environment can contribute by supporting the creative processes of adolescents, an auxiliary tool for learning by problem solving, encouraging new ways of using ICT in education. This study is justified by the need to deepen the issues related to the use of ICT in Basic Education teachers and not only the use of projectors and videos to replace the chalkboard, or research tools in search engines only to convey information in order to favor traditional teaching methodologies. As a research methodology was chosen qualitative approach to interpretation, the study of case type. The seizure of the data was in experimental field through socio-educational and daily quiz board, followed by analysis of content and description of the results obtained. Study participants were adolescents from 13 public and private elementary schools and high school in the city of Araucaria-Pr. The study showed the development of higher psychological functions, computational thinking in students such as attention, memory and perception. These skills were observed during the preparation of projects, through the comprehension skills, planning, retrospect and development of individual and collective strategies to solve the problems encountered. This study differs from others already undertaken with Scratch therefore emphasizes the pursuit of freedom and creativity of the subjects students in developing their own projects, as a strategy for autonomy.
Keywords: Programming. Creative thinking. Collaborative work. Based learning problems. Autonomy.

Lista de publicações:

BRESSAN, Manuelle Lopes Quintas, “Introdução ao Scratch,” Arcaz: Recursos Educacionais Abertos. Coleção Oficinas de Scratch. Disponível em: http://arcaz.dainf.ct.utfpr.edu.br/rea/items/show/83.

BRESSAN, Manuelle Lopes Quintas, AMARAL, Marília Abrahão. Avaliando a Contribuição do Scratch para a Aprendizagem pela Solução de Problemas e o Desenvolvimento do Pensamento Criativo. Revista Intersaberes | vol.10, n.21, p. 509-526| set.- dez. 2015 | 1809-7286. Disponível em: http://www.grupouninter.com.br/intersaberes/index.php/revista/article/view/866/502