Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Geral > Conselho Universitário revoga normativa sobre comprovante de vacinação
conteúdo

Notícias

Conselho Universitário revoga normativa sobre comprovante de vacinação

Covid-19

Decisão do órgão leva em conta as legislações federais e estaduais vigentes
publicado: 09/05/2022 15h56 última modificação: 10/05/2022 15h51
Comprovação deixa de ser obrigatória na UTFPR (Foto: Freepik)

Comprovação deixa de ser obrigatória na UTFPR (Foto: Freepik)

Em reunião virtual nesta segunda-feira, dia 9, o Conselho Universitário revogou a resolução 71/2022, que exige o comprovante de vacinação para a realização de atividades presenciais na UTFPR.

A decisão foi adotada por 32 votos favoráveis e cinco contrários, com base na publicação da portaria 913/2022 do Ministério da Saúde, que determinou o fim da situação de ‘emergência em saúde pública de importância nacional’; e da instrução normativa 36/2022 do Ministério da Economia, que estabelece o retorno ao trabalho presencial no dia 6 de junho para servidores públicos que estavam em regime remoto.

Além disso, também foram considerados os índices analisados pelos conselheiros e a lei estadual 21.915/2022, que proíbe a exigência de comprovação de administração de vacina.

Com isso, são mantidas as medidas preventivas de higienização frequente das mãos, o uso de álcool 70%, o distanciamento seguro, sem aglomerações, e o afastamento de pessoas comprovadamente contaminadas pela Covid-19 ou com sintomas, de acordo com o protocolo vigente.

Acompanhe a gravação da reunião no Canal oficial da UTFPR. 

 

Mais sobre
O Couni é o órgão máximo deliberativo e consultivo da Instituição, composto por representantes de servidores, federações externas, estudantes e ex-alunos, pelos membros natos, que são o reitor, o vice-reitor, o último ex-reitor e os pró-reitores.