Aviso: O site da UTFPR está sendo reestruturado. Você está visitando a nossa página antiga.

Neste momento de transição, algumas atualizações estão sendo realizadas na nova versão, disponível aqui

Você está aqui: Página Inicial patobranco Estrutura do Câmpus Assessorias Assessoria de Comunicação Comunicação e Imprensa Notícias 2015 Outubro UTFPR ministra curso básico de Libras para colaboradores da GP Combustíveis

UTFPR ministra curso básico de Libras para colaboradores da GP Combustíveis

Com o objetivo de ensinar a utilizar a Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS) e a compreender os sinais que os surdos utilizam, contribuindo para a acessibilidade dos mesmos, a UTFPR – Câmpus Pato Branco, no período de 05 de outubro a 14 de dezembro, irá ministrar um curso gratuito de LIBRAS para os colaboradores da empresa GP Combustíveis.

O curso tem como objetivo colaborar com a Empresa, auxiliando na capacitação de funcionários ouvintes para se comunicarem através da Libras com os surdos, contribuindo, desta forma, para a inclusão social destes, além de colaborar para que a sociedade se modifique e se torne cada vez mais solidária com esta minoria linguística.

Atualmente, a Empresa GP possui em seu quadro de trabalho 3 (três) funcionários surdos, e tem como objetivo ampliar o número de vagas destinadas à comunidade surda em seu quadro de pessoal.

O Curso será dividido em módulos, sendo o primeiro com carga horária de 20 horas/aula e compreenderá aulas presenciais e atividades extraclasses. O objetivo do primeiro módulo é compreender o desenvolvimento histórico e cultural da comunidade surda brasileira e da educação de surdos no país, destacar a importância do estudo de Libras e apresentar aos colaboradores características fundamentais da Língua Brasileira de Sinais para iniciação ao seu aprendizado e ao contato com pessoas surdas.

A Língua Brasileira de Sinais foi reconhecida como meio legal de comunicação e expressão no ano de 2002, pela Lei de Libras nº 10.436, de 24 de abril de 2002. Essa lei veio não só favorecer a inclusão social dos surdos, como também contribuir para a garantia de seus direitos como cidadãos brasileiros.

Conforme destacam os responsáveis pelo Curso, “ao contrário do que muitos imaginam, a língua de sinais não é simplesmente mímica ou gestos soltos, utilizados pelos surdos para facilitar a comunicação. É uma língua com estrutura própria e possui todos os níveis linguísticos necessários de constituição de uma língua: O Fonológico, o Morfológico, o Sintático, o Semântico e o Pragmático. O que é denominado de palavra ou item lexical nas línguas oral-auditivas, são denominados sinais, na língua de sinais”.

O curso terá aula expositiva teórica, que será ministrada por uma professora ouvinte com formação na área de Letras e Libras. E aula dialogada e sinalizada dos conteúdos linguísticos da Libras que serão ministrados pela professora surda da UTFPR Câmpus de Pato Branco e por dois funcionários surdos da GP Combustíveis.

Ao final do curso os participantes que obtiverem frequência igual ou superior a 75% receberão seus certificados, emitidos pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná - Câmpus Pato Branco.

O curso é uma realização da UTFPR, Núcleo de Acompanhamento Psicopedagógico e Assistência Estudantil da UTFPR (NUAPE), Núcleo de Apoio às Pessoas com Necessidades Especiais (NAPNE), GP Combustíveis, juntamente com os professores surdos Aline Brancalione (UTFPR-PB), Jefersson Luiz Ferri e Heron Rodrigues da Silva (GP- Combustíveis) e a professora ouvinte/intérprete Mirélia Flausino Vogel (UTFPR-PB).                                 

Atualizado em 14/10/2015

Assessoria de Comunicação

          

 

Ações do documento