Aviso: O site da UTFPR está sendo reestruturado. Você está visitando a nossa página antiga.

As atualizações estão sendo realizadas na nova versão, disponível aqui

Você está aqui: Página Inicial patobranco Estrutura do Câmpus Assessorias Assessoria de Comunicação Comunicação e Imprensa Notícias 2016 Março Internacionalização

Internacionalização

UTFPR é parceira na organização do III Seminário Internacional Culturas e Desenvolvimento, na Costa Rica

A UTFPR e os Programas de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional (PPGDR) e de Letras, do Câmpus Pato Branco, por intermédio das professoras Maria de Lourdes Bernartt e Giovanna Pezarico, integram a Comissão Organizadora do III Seminário Internacional Culturas e Desenvolvimento, o III Encontro da Rede de Interculturalidade, o IV Encontro da Rede de Trabalho com Povos Indígenas e o V Encontro Sociedades em Transformação (III SICDES).

Os eventos estão sendo organizados de modo colaborativo pelas seguintes instituições: Universidade Nacional (UNA) de Costa Rica, Universidade de Costa Rica (UCR - Sede de Ocidente), Universidade Estatal a Distância (UNED/Costa Rica), Centro Dominicano de Investigação (CEDI/Costa Rica),  Universidade Regional de Blumenau (FURB/Brasil), Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR- Câmpus Pato Branco), Universidade Comunitária da Região de Chapecó (UNOCHAPECÓ)  e Associação dos Professores de Ensino Religioso do Estado de Santa Catarina (ASPERSC), com o apoio de diversas outras instituições latino-centro-americanas.

O III SICDES acontecerá entre os dias 20 e 22 de julho de 2016, em Herédia, na Universidade Nacional de Costa Rica, e abordará a temática “Territórios, Culturas e Bem-Viver: desafios a partir das identidades e saberes diversos”. Visando oportunizar espaços de diálogos, intercâmbios e parcerias acerca do desafio emergente de reconhecimento das identidades culturais em sua diversidade de saberes, e à construção de alternativas epistemológicas, territoriais e educativas que subsidiem a promoção de outras lógicas de desenvolvimento, a programação inclui mesas temáticas, círculos de diálogo, sessões de comunicações de trabalho e atividades culturais.

Membros de movimentos sociais, populações indígenas e afro-americanas, professores, gestores e demais profissionais da educação básica, investigadores, mestrandos, acadêmicos e demais interessados, têm a oportunidade de apresentar seus trabalhos, experiências e práticas pedagógicas em um dos 18 Grupos de Trabalho (GTs).

Orientações, programação e demais informações estão disponíveis na página do evento.

Atualizado em 05/04/2016.

Assessoria de Comunicação

Acompanhe as notícias do Câmpus Pato Branco também no Facebook.