Aviso: Você está visitando a nossa página antiga, por isso algumas informações podem estar desatualizadas.

Para saber mais sobre a Instituição, acesse o novo Portal da UTFPR

Você está aqui: Página Inicial patobranco Estrutura do Câmpus Assessorias Assessoria de Comunicação Comunicação e Imprensa Notícias 2017 Maio Curso de Aproveitamento de Resíduos Orgânicos e Dia de Campo sobre Batata Orgânica

Curso de Aproveitamento de Resíduos Orgânicos e Dia de Campo sobre Batata Orgânica

Nos dias 10 e 11 de maio de 2017, realizou-se no Instituto Agronômico do Paraná (IAPAR) Polo Regional de Pato Branco um curso sobre aproveitamento de resíduos orgânicos e dia de campo sobre batata orgânica. A realização do evento é uma iniciativa conjunta do Núcleo de Agroecologia e Produção Orgânica do Sudoeste do Paraná (NEA), e de um projeto em desenvolvimento pela Unidade Mista de Pesquisa e Transferência de Tecnologia da Embrapa (UMIPTT) onde estiveram envolvidas as seguintes instituições IAPAR, UTFPR, EMBRAPA e as entidades parceiras CAPA e ASSESOAR.

O evento teve por objetivo divulgar de forma teórica e prática os conhecimentos e tecnologias gerados para aproveitamento de resíduos orgânicos para a produção de substratos e fertilizantes orgânicos para a utilização nas propriedades e o manejo do cultivo orgânico de batata.

O curso de aproveitamento de resíduos orgânicos foi ministrado pelo pesquisador Marco Antônio de Almeida Leal da EMBRAPA Agrobiologia/RJ. Segundo ele “este curso foi uma excelente oportunidade para apresentarmos conhecimentos atualizados sobre o aproveitamento agrícola de resíduos orgânicos, com ênfase no processo de compostagem. Além disto, foi um momento para a construção participativa de mais conhecimentos sobre este tema, por meio do relato e da discussão de experiências e vivências de alguns técnicos e agricultores, principalmente em relação ao aproveitamento agrícola de materiais disponíveis na região”.

O dia de campo com ênfase na produção de batata orgânica, aconteceu no dia 10/05 e contou com a colaboração dos pesquisadores Nilceu Ricetti X. de Nazareno (IAPAR), Antônio César Bortoletto (EMBRAPA Produtos e Mercado/SC) e Giovani Olegário da Silva (EMBRAPA Hortaliças/DF). Na ocasião foi apresentado para os participantes as estratégias do programa de melhoramento de batata destas instituições, respostas a adubação e vários aspectos do custo de produção e da cadeia produtiva da batata.

Durante o evento foram apresentadas as cultivares de batata mais adaptadas para cultivo orgânico, entre elas a BRS Clara, lançada pela EMBRAPA em 2010, que se destaca pela facilidade de manejo de brotação e do controle da requeima além de elevado potencial produtivo em sistema orgânico e, a IPR Cris, lançada pelo IAPAR em 2012, que apresenta alta rusticidade e boa produtividade para cultivo orgânico, com um longo período de dormência, garantindo ao produtor orgânico um período prolongado para comercialização, sem perda de qualidade dos tubérculos.

Além das cultivares, o manejo com mulching foi demonstrado a campo para os participantes. Tal manejo consiste na cobertura do solo com resíduos vegetais verdes, após a amontoa, proporcionando redução da evolução da requeima, com significativa diferença na produtividade.

O IAPAR, UTFPR e EMBRAPA pretendem continuar os estudos com esta cultura, para difundir tecnologias de produção, qualidade e sanidade de plantas e utilização de cultivares adaptadas ao sistema orgânico.

Mais informações podem ser obtidas no Departamento de Ciências Agrárias (DAGRO), com o professor Thiago de Oliveira Vargas, pelo endereço eletrônico thiagovargas@utfpr.edu.br ou pelo telefone (46) 3220-2548. 

IMG_8480.JPGIMG_8598.JPG

Atualizado em 25/05/2017

Assessoria de Comunicação

Acompanhe as notícias do Câmpus Pato Branco também no Facebook.

Ações do documento