Aviso: Você está visitando a nossa página antiga, por isso algumas informações podem estar desatualizadas.

Para saber mais sobre a Instituição, acesse o novo Portal da UTFPR

Curso de Engenharia de Computação

O Curso de Engenharia de Computação objetiva formar profissionais que contribuam para a evolução do conhecimento do ponto de vista científico e tecnológico, aplicando-o na avaliação, especificação e desenvolvimento de ferramentas, métodos e sistemas computacionais. Prima pela formação humanística, a qual permite ao profissional desta área a compreensão do mundo, respeitando princípios éticos, com visão crítica e consistente do impacto da profissão do Engenheiro de Computação na sociedade.

Áreas de Atuação do Engenheiro de Computação

Devido à formação sólida em Computação e Eletrônica as áreas de atuação do Engenheiro de Computação são diversas:

  • Indústria: Desenvolvimento de programas para aplicações específicas incluindo sistemas operacionais e de redes, projeto e desenvolvimento de sistemas hardware-software incluindo sistemas embarcados e sistemas inteligentes, projetos de sistemas de planejamento, manutenção e suporte às tarefas gerenciais.
  • Empresas: Consultoria e prestação de serviços para organizações que façam uso de sistemas de informação e comunicação envolvendo avaliação e validação da segurança de sistemas computacionais e de comunicação.
  • Educação: Ensino e pesquisa.
Perfil do egresso:

O perfil profissional do egresso do curso tem as seguintes características:

  • Capacidade para investigar e desenvolver o conhecimento teórico nas áreas de Computação e Eletrônica;
  • Capacidade para aplicar conhecimentos de forma criativa, independente e inovadora contribuindo na busca de soluções nas diferentes áreas e que tenha preocupação constante com a sua própria atualização tecnológica;
  • Capacidade para implementar sistemas que otimizem recursos sem causar danos ao meio-ambiente;
  • Conhecimento das disciplinas básicas da área gerencial, abrindo sua visão para as possibilidades de se tornar um empreendedor, facilitando-lhe o dever de gerenciar ambientes operacionais;
  • Formação humanística permitindo a compreensão do mundo e da sociedade;
  • Capacidade de comunicação oral e escrita;
  • Desempenho de atividades em equipe e em parceria.
    Corpo Docente
    • O corpo docente do curso de Engenharia de Computação é constituída por mestres e doutores nas áreas de Automação e Controle, Ciência da Computação, Engenharia Elétrica, Engenharia Mecânica, Engenharia de Produção, Matemática e Educação.
    Autorização e Reconhecimento
    • Autorização: O Ministério da Educação autorizou o curso por intermédio da Portaria nº 397 de 20 de Abril de 2010 publicada no Diário Oficial da União em 22/04/2010 – Seção 1 – Página 46.
    • Reconhecimento: O Curso de Engenharia de Computação, recebeu conceito 4 (Muito Bom) na avaliação in loco, realizada nos dias 10 e 11 de fevereiro de 2014, por examinadores do Ministério da Educação (MEC). O processo de reconhecimento segue em análise.
    Dirigentes da Instituição

    Reitor: Luiz Alberto Pilatti 

    Vice-Reitor: Vanessa Ishikawa Rasoto

    Pró-Reitor de Graduação e Educação Profissional:  Maurício Alves Mendes

    Diretor-Geral do Câmpus Pato Branco: Idemir Citadin

    Diretor de Graduação e Educação Profissional: Henrique Emilio Zorel Junior

    Secretário de Bacharelados e Licenciaturas: Henrique Emilio Zorel Junior

    Responsável pela Chefia do Departamento Acadêmico de Informática: Bruno César Ribas

    Coordenador do Curso de Engenharia de Computação: Pablo Gautério Cavalcanti 

    Informações Adicionais

    O Curso de Engenharia de Computação é um curso de graduação plena desenvolvido em 10 períodos semestrais (5 anos) no horário vespertino e noturno, com 3.870 horas efetivas de aulas teóricas e práticas; 400 horas de Estágio Curricular Obrigatório e 180 horas de Atividades não Presenciais totalizando 4.450 horas de carga horária. Semestralmente são ofertadas 44 vagas.

    As horas de aulas estão distribuídas em três núcleos: Básico, Profissionalizante e Profissionalizante Específico, permitindo uma formação sólida e integral focada nas áreas de Computação e Eletrônica.

    As atividades não presenciais dirigem ao aluno à realização e/ou participação em projetos de formação social, humana e cultural; a contribuir com a comunidade através de projetos de extensão e à participação em eventos técnico-científicos e de formação profissional.

    O Estágio Curricular Obrigatório complementa ao aluno na sua prática dos conhecimentos adquiridos ao longo de sua formação.

    • Turno: Tarde e Noite
    • Duração: 5 anos/semestral (4450 horas)
    • Estágio curricular obrigatório: 400 horas
    • Atividades complementares: 180 horas
    • Vagas: 44 por semestre
    • Titulação: Engenheiro de Computação
    • Critérios de Avaliação: Considerar-se-á aprovado na disciplina, o aluno que tiver freqüência igual ou superior a 75% (setenta e cinco por cento) e Nota Final igual ou superior a 6,0 (seis), consideradas todas as avaliações previstas no início do semestre.

    Ações do documento