Você está aqui: Página Inicial Pesquisa e Inovação noticias Projeto estuda descarte de resíduos químicos de forma consciente em IES

Projeto estuda descarte de resíduos químicos de forma consciente em IES

Um projeto desenvolvido no Câmpus Toledo busca novas formas de descarte de resíduos químicos, a fim de reduzir os impactos no meio ambiente. A procura é por uma metodologia eficaz e de baixo custo que atenda às necessidades das Instituições de Ensino Superior (IES).

Há uma ampla discussão na atualidade sobre as questões ambientais e as IES possuem um papel de extrema importância na redução da poluição por resíduos químicos. A proposta do projeto “Desenvolvimento de metodologias alternativas para a degradação de resíduos químicos gerados em laboratórios de instituições de ensino" é encontrar novas formas de descartar resíduos de maneira que haja a menor contaminação possível.

A pesquisa foi iniciada em 2009 e, desde então, já contou com a participação de cerca de 10 alunos do curso de Tecnologia em Processos Químicos. Segundo a professora Viviane Lobo, coordenadora da pesquisa, o foco é procurar soluções práticas que reduzam a poluição ambiental. “Buscamos uma forma de descarte que seja eficaz, sem gerar novos produtos, mas sim usando metodologias alternativas que possam contribuir com o meio ambiente”, ressalta. 

Foram utilizadas no projeto três metodologias diferentes: fotolítica (uso exclusivo da luz ultravioleta), Fenton (uso de catalisador como peróxido de hidrogênio) e a foto-Fenton (combinação das duas metodologias). “Pôde-se observar que a melhor metodologia a ser utilizada é a do foto-Fenton, visto que a degradação dos produtos ocorre em menor tempo e com uso de menor catalisador”, explica Viviane.

A proposta agora é abranger também a área dos fármacos de uso veterinário, para reduzir a contaminação de medicamentos que são encontrados em dejetos animais. Busca-se uma metodologia que permita que o próprio agricultor consiga realizar esse tratamento químico de forma eficaz nos resíduos antes do descarte.


Atualizado em 30/06/2016

Ações do documento

registrado em: