Você está aqui: Página Inicial Pesquisa e Inovação noticias Pesquisa avalia implementação de tecnologias para otimização energética em veículos

Pesquisa avalia implementação de tecnologias para otimização energética em veículos

Um estudo sobre otimização energética em veículos elétricos híbridos que está sendo desenvolvido no Câmpus Ponta Grossa busca encontrar novas tecnologias para aprimorar a eficiência dos sistemas aplicados nesses automóveis. O projeto propõe meios de geração de energia mais econômicos e menos poluentes.

Os veículos híbridos podem ser formados pelo conjunto de motores elétricos acoplados nas rodas e um motor à combustão central. Já os elétricos são constituídos por motores nas rodas ou por um único motor elétrico acoplado a um sistema de transmissão. A partir desses modelos, avaliaram-se quais configurações são as mais eficientes em termos energéticos.

Desenvolvida pelo estudante de Engenharia Eletrônica Rafael Aleixo, sob orientação da professora Fernanda Correa, a pesquisa foi pensada a partir das discussões sobre as novas formas de obtenção de energia elétrica e fontes renováveis que menos impactam o meio ambiente. “Nesse contexto, os veículos híbridos e elétricos assumem um papel relevante, sendo que a crescente frota de veículos à combustão aumenta a dependência por reservas petrolíferas, objetos de desejo ao redor do mundo”, comenta a professora. “O intuito central desses automóveis é contribuir para reduzir problemas ambientais e também políticos”.

Das estratégias analisadas, notou-se que a lógica fuzzy é uma alternativa de sucesso na operação de sistemas de armazenamento de energia. “Quando constituídos por supercapacitadores e baterias, os sistemas de armazenamento conseguem uma autonomia maior da bateria sem degradar sua vida útil”, explica Fernanda. Os resultados obtidos até o momento foram analisados apenas em simulações devido a limitações de recursos financeiros. “A construção de um protótipo em escala real exige um custo alto. No entanto, temos a intenção de construir um modelo em pequena escala para análise de comportamento do sistema simulado”, completa.

Os resultados alcançados estão sendo utilizados nos projetos da equipe de fórmula SAE do Câmpus Ponta Grossa, a UTForce e-racing. A fórmula SAE é uma competição para estudantes que têm por objetivo conceber, projetar e fabricar pequenos carros de corrida e competir com estes veículos. O time pontagrossense é o primeiro do Paraná a construir um carro elétrico para a competição.

Além de dar suporte à equipe UTForce e-racing, a pesquisa foi escolhida como melhor trabalho da categoria painéis da área de Engenharia Elétrica no Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica (Sicite) 2016.

Atualizado em 31/03/2017

Ações do documento

registrado em: