Solumax

Empresa Junior entra para o Grupo de Empresas Juniores de Alto Crescimento da FEJEPAR

Empresa Júnior é uma associação sem fins lucrativos, constituída por alunos de graduação. Possui como objetivo impactar a sociedade por meio de projetos de consultoria na sua área de atuação, também atuando na formação de empreendedores e estabelecendo a conexão entre conhecimento acadêmico com o mundo empresarial.

Atualmente com 34 empresas juniores federadas, a Federação das Empresas Juniores do Estado do Paraná (FEJEPAR) é o órgão que representa e regulamenta as empresas juniores federadas do estado. Esta é confederada a Brasil Júnior, órgão máximo nacional que representa o Movimento Empresa Júnior (MEJ).

Hoje a Brasil Júnior conta com uma rede de mais de 440 empresas juniores confederadas, de diversos tamanhos e das mais variadas áreas. E no gerenciamento de tamanha variedade de empresas, o órgão as divide em cinco clusters, de acordo com o seu grau de maturidade, com o objetivo de se adequar à realidade de cada uma. A partir da divisão dos clusters, saíram as definições de Empresas Juniores de Alto Impacto e Empresas Juniores de Alto Crescimento.

As Empresas Juniores de Alto Impacto são aquelas pertencentes ao Cluster Cinco, que possuem o desafio de promover a consolidação de uma cultura empreendedora, já as Empresas Juniores de Alto Crescimento, grupo ao qual a Solumax foi incluída este ano, são aquelas que possuem um alto potencial e que batem as metas do seu cluster constantemente, tendendo a se tornar uma Empresa Júnior de Alto Impacto.

Após sua federação em 2016, a Solumax Produção Jr. recebeu uma meta anual de projetos e faturamento para o ano de 2017 estipulados pela FEJEPAR. No começo do mês de Abril, a Solumax alcançou as metas anuais propostas pela federação e, assim, entrou para o grupo de Empresas Juniores de Alto Crescimento.

Isto significa que a Solumax Produção Jr. vem batendo suas metas e tendo um desempenho de destaque entre as empresas de seu cluster, algo excepcional para tão pouco tempo de federação.

Publicado em 30/05/2017

Ações do documento