Home
/
Notícias
/
Dois Vizinhos
/
PUBLICAÇÃO INTERNACIONAL

PUBLICAÇÃO INTERNACIONAL

Publicado 6/27/2023, 8:51:31 AM, última modificação 6/27/2023, 8:56:52 AM
Estudo que usa Dois Vizinhos com cidade modelo revela o sucesso da vacinação na redução de casos e mortes por COVID-19

Vacinação contra a COVID-19: uma arma eficaz no controle da pandemia

A pandemia de COVID-19 trouxe desafios sem precedentes para o mundo inteiro. Em meio a esse cenário, os esforços incansáveis da comunidade científica resultaram no desenvolvimento de várias vacinas em tempo recorde. Com o objetivo de analisar a efetividade da vacinação no controle da doença, um estudo recente foi conduzido em Dois Vizinhos, cidade usada como modelo no estado do Paraná, que congrega uma população de 41.424 habitantes.

O trabalho foi publicado na revista de alto impacto internacional Journal of Medical Virology (Fator de impacto JCR 20,693) com o título “Relationship between SARS-CoV-2 vaccination and cases, program breakthrough cases, and deaths in Dois Vizinhos, Paraná, Brazil” (na tradução livre : “Relação entre vacinação e casos de SARS-CoV-2 em indivíduos vacinados e não vacinados e mortes em Dois Vizinhos, Paraná, Brasil”).

Este estudo pioneiro foi realizado pela equipe de pesquisadores do Grupo de Pesquisa em Biologia Molecular da Universidade Tecnológica Federal do Paraná - Campus Dois Vizinhos (UTFPR-DV) e baseou-se em um conjunto de dados abrangendo o período de um ano desde a aplicação da primeira dose em janeiro de 2021 na cidade supracitada. Os resultados obtidos são promissores e reforçam a importância da vacinação como ferramenta fundamental no controle da pandemia.

No estudo é possível observar que à medida que a cobertura vacinal aumentou em Dois Vizinhos, especialmente após atingir a marca de 15.000 habitantes vacinados (35,21% da população) em julho de 2021, houve uma clara redução nos casos positivos e nas mortes por COVID-19. No momento em que o estudo foi realizado, as vacinas administradas na cidade eram predominantemente do tipo ChAdOx1-S recombinante (49,06%), vírus SARS-CoV-2 inativado (cepa CZ02) (39,80%), Tozinameran (9,70%) e Ad26.COV2-S recombinante (1,44%).

A partir de agosto de 2021, observou-se uma queda significativa nos casos positivos diários e nas taxas de mortalidade, com a incidência e as taxas de mortalidade se mantendo estáveis até janeiro de 2022. Neste mês, apesar do surgimento da variante Omicron, que resultou em um novo surto na cidade, os dados revelaram uma taxa de mortalidade relativamente baixa (0,07 por 1.000 habitantes), mesmo com uma alta taxa de incidência de novos casos (68,41 por 1.000 habitantes).

Os resultados obtidos por esse estudo demonstram claramente a importância da vacinação no controle da pandemia. Com uma população vacinada de pelo menos 35,21%, Dois Vizinhos conseguiu manter a incidência e as taxas de mortalidade em níveis estáveis. Esses dados são uma prova incontestável de que a vacinação é uma arma eficaz na luta contra a COVID-19.

É fundamental ressaltar que a vacinação é uma responsabilidade coletiva. Cada indivíduo que recebe a vacina contribui para a proteção de si mesmo, de seus entes queridos e de toda a comunidade.

Por isso, a UTFPR-DV encoraja todos os cidadãos a procurarem os postos de saúde, seguindo as diretrizes das autoridades de saúde, e mantenham seu esquema de vacinação sempre atualizado.

Não deixe de fazer a sua parte. Vacine-se.