Home
/
Notícias
/
Francisco Beltrão
/
Doação de Insumos

Doação de Insumos

Publicado 4/13/2020, 10:34:18 AM, última modificação 10/31/2022, 8:22:48 PM
UTFPR busca apoio para produção de álcool em gel em Beltrão

Imagem: Freepik

Diante da pandemia causada pela Covid-19 a UTFPR de Francisco Beltrão busca junto à comunidade a doação de insumos para produção de álcool em gel 70 nos laboratórios da universidade. As doações de álcool (preferencialmente com concentração acima de 70º), água oxigenada (concentração acima de 10) e frascos (recipientes com tampa entre 100 e 500 ml e galões de 5 litros) podem ser entregues na própria UTFPR ou na Associação Comercial de Francisco Beltrão (Acefb).

A iniciativa visa beneficiar, em um primeiro momento, a comunidade carente. “Estamos prontos para iniciar a produção, mas precisamos dos insumos. Neste momento, a nossa intenção é beneficiar a comunidade diretamente doando o álcool para as pessoas de baixa renda. Posteriormente, se o município passar a ter necessidade do produto, podemos fabricar destinado aos setores que trabalham diretamente com a saúde, desde que tenhamos os insumos, afirma o diretor-geral da UTFPR, Alexandre Alfaro.

A chefe do Departamento de Química e Ciências Biológicas do Câmpus, Tânia Cassol, conta que a produção terá a ajuda dos professores do departamento e de alunos e técnicos de laboratório, divididos em turnos para evitar a aglomeração e com os equipamentos de proteção individuais necessários para garantir a segurança. “Há várias formas de produzir o álcool gel, nós optamos por uma receita que leva insumos que ainda estão disponíveis no mercado e contamos com as doações para essa ação solidária que beneficiará toda a comunidade”, destaca a professora.

Ação Social

Em paralelo a esta ação o câmpus trabalha em um levantamento junto aos acadêmicos com o objetivo de mapear quais permanecem em Francisco Beltrão (já que grande parte dos alunos é de outras cidades) e destes, quais estão precisando de alguma ajuda. A partir disso o câmpus traçará estratégias para ajudá-los.

O diretor-geral do câmpus, Alexandre Alfaro, esclarece que “estamos sem aulas presenciais desde o dia 16 de março, tivemos alunos que retornaram às suas cidades de origem, outros permaneceram em Francisco Beltrão. A partir desse levantamento feito on-line teremos um panorama de qual é a situação de cada um e então a equipe diretiva poderá realizar ações mais efetivas”.

Atividades

O reitor da UTFPR, Luiz Alberto Pilatti, suspendeu o calendário acadêmico por tempo indeterminado com o objetivo de resguardar seus estudantes, servidores e respeitando o isolamento social. Os servidores estão desempenhando suas atividades de maneira remota (home office).

As aulas presenciais foram suspensas no dia 16 de março e continuaram à distância até 29 de março, quando o calendário acadêmico foi suspenso por tempo indeterminado.