Home
/
Notícias
/
Últimas notícias
/
Duas equipes da UTFPR são finalistas no concurso da Nasa

Duas equipes da UTFPR são finalistas no concurso da Nasa

Publicado 8/10/2020, 3:31:03 PM, última modificação 10/31/2022, 9:52:34 AM

Dois projetos da UTFPR foram finalistas na hackathon Space Apps Challenge. Foi a nona edição da competição promovida pela Agência Espacial Norte Americana (Nasa), que cede dados para que as equipem criem soluções para o combate à pandemia do novo coronavírus.

Imagens de divulgação dos projetos finalistas

Um deles é o aplicativo ‘Gyro 4Food’, que utiliza os dados de localização dos usuários para ensiná-los a cultivar a própria horta. Segundo a professora Cássia Ugaya, do Câmpus Curitiba, a ideia era apresentar uma proposta tecnológica de combate à fome – temática já pesquisada pelos alunos na Universidade.

Participam da equipe estudantes dos programas de pós-graduação em Ciência e Tecnologia Ambiental, Sustentabilidade Ambiental Urbana e Engenharia Mecânica e de Materiais da UTFPR. O projeto conta ainda com a participação de estudantes dos cursos de Design e Sistemas de Informação da Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Outro finalista foi o Purify the Air Supply, um equipamento para filtrar o ar em locais fechados por meio da luz ultravioleta. A tecnologia foi desenvolvida por seis alunos do curso de Engenharia Mecânica.

Júlia Martins, uma das integrantes da equipe, conta que a experiência foi desafiadora em um curto espaço de tempo. “Em 48 horas, fizemos um brainstorming e várias ideias surgiram. Combinamos cada uma delas, pesquisamos o tema e adequamos até chegar no protótipo, de maneira viável, simples e inovadora”, relata a aluna. Passado o hackathon, o grupo agora busca um investidor para aperfeiçoar o protótipo no intuito de produzi-lo em larga escala.

Mais sobre o hackathon
Ao todo, 1.422 projetos de todo o mundo participaram da maratona da Nasa, que é promovida anualmente. Desse total, apenas 40 foram classificados para a final, incluindo os dois grupos da UTFPR. Os três projetos vencedores foram Michiganders Researching Coronavirus, dos Estados Unidos, Gideon, das Filipinas, e Sosqua, da Colômbia.