Prime 2022

Publicado 12/2/2022, 1:48:52 PM, última modificação 12/8/2022, 3:27:01 PM
Professor da UTFPR-PB é premiado no Programa de Propriedade Intelectual com Foco no Mercado

Premiação Prime 2022 (Fonte da foto: Decom)

No dia 30/11, aconteceu a etapa final do Programa de Propriedade Intelectual com Foco no MercadoPrime 2022, na qual o professor Péricles Inácio Khalaf, do Departamento de Química (DAQUI), foi premiado pelo projeto de um dispositivo que realiza a produção de água ativada por plasma (APP). Esse dispositivo utiliza-se somente de ar, água e eletricidade em um processo copiado da própria natureza, quando a água da chuva entra em contato com raios em uma tempestade.

O Prime, idealizado e desenvolvido pela Superintendência Geral de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti) em parceria com a Fundação Araucária e o Sebrae/PR, visa estimular a produtização do resultado de pesquisas acadêmicas com potencial de mercado, para contribuir com o desenvolvimento econômico e social do Estado do Paraná.

Dessa forma, busca apoiar pesquisadores/empreendedores na transformação de invenções em produtos e serviços para a população, por meio de abertura de empresas, licenciamento para produção e comercialização de tecnologias e transferência tecnológica.

Nesta edição, a maioria dos participantes foram professores/pesquisadores de universidades estaduais e federais do estado do Paraná, o que, segundo o professor Péricles, foi uma oportunidade para conhecer esse ecossistema e estabelecer conexões (networking) com os integrantes da Seti, do Sebrae/PR e com os colegas de outras instituições.

O professor comenta que, como participante, teve acesso a mentorias individuais com o especialista em inovação Welliton Oliveira (Evolve MVP), que auxiliou especialmente na adequação dos pitches durante o programa.

Ao final desta edição, o Prime selecionou cinco finalistas e, no dia 30 de novembro, foi realizada a cerimônia de premiação, no Auditório do Campus Curitiba. O professor Péricles ficou em 5º lugar e foi contemplado com uma vaga no Programa Acelera Impulse, do Sebrae/PR. Nessa cerimônia, também foram entregues as premiações das demais categorias do 35º Prêmio Paranaense de Ciência e Tecnologia.

Ele destaca que, com a vaga, “espera-se obter um conhecimento especializado na área de inovação e empreendedorismo de forma ainda mais ampla e prática.” Além disso, como docente da UTFPR-PB, pretende futuramente ofertar treinamentos sobre o tema para contribuir na formação de recursos humanos da instituição.

Importante lembrar ainda que o professor e a bolsista Erica Tuana Berlatto participaram do XII Seminário de Extensão e Inovação (SEI) e XXVII Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica (SICITE), que ocorreu de 7 a 11 de novembro, na UTFPR Campus Santa Helena, e conquistaram o 3º lugar na área de Química.

O trabalho apresentado foi Avaliação da eficiência energética da fixação de nitrogênio em fase aquosa por sistema de plasma frio, em que a eficiência energética (EE) para fixação de nitrogênio em fase aquosa por plasma foi estudada em função da potência média e da agitação magnética aplicadas ao sistema de plasma. Os resultados comparados com a literatura científica mostraram que a EE alcançada neste sistema com a utilização de parâmetros otimizados foi a maior entre sistemas de plasma operado apenas com um único reator, sem a recirculação de gases ou ozonizador auxiliar.