Home
/
Notícias
/
Ponta Grossa
/
Ciência e Inclusão

Ciência e Inclusão

Publicado 9/18/2023, 5:23:19 PM, última modificação 9/18/2023, 5:25:55 PM
No sétimo episódio do Podcast em comemoração aos 30 anos do campus os convidados falaram sobre a inclusão e como isso reflete na vida acadêmica e na produção científica na universidade.

O sétimo episódio do Podcast em comemoração aos 30 anos de aniversário do Campus Ponta Grossa, da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), traz as histórias de servidores que atuam em diferentes setores, mas que tem seu trabalho perpassado pelas questões da inclusão. Durante as entrevistas feitas com Talícia do Carmo Galan Kuhn e Igor de Paiva Affonso, nossos convidados falaram sobre as atividades desenvolvidas na universidade. Esse episódio foi conduzido pelos acadêmicos Mariana Stock Quandt e David Leonardo Gonçalves Faria.

Talícia conta que iniciou sua trajetória no campus, em 2010, como professora substituta e, em 2013, após ser aprovada em novo concurso, assumiu a vaga de tradutora e interprete de libras. Hoje responde pela chefia do Departamento de Educação (DEPED-PG) e é presidente do Núcleo de Acessibilidade e Inclusão (NAI-PG). Formada em Gestão Pública e Pedagogia, com Pós-Graduação em Educação Inclusiva, além de servidora Talícia também é aluna da instituição. “Eu fiz o meu mestrado aqui na UTFPR, em Ensino de Ciência e Tecnologia, (...) eu criei 55 novos sinais para a área de Engenharia da Produção e atualmente estou no doutorado”, conta.  

A trajetória da servidora é voltada para área de inclusão. Ela diz que com seu trabalho busca fazer com que o processo inclusivo e de acessibilidade se torne parte do cotidiano da universidade e que cresça o número de pessoas envolvidas nessas atividades.  Vinculado a Diretoria de Graduação e Educação Profissional (DIRGRAD-PG), Talícia explica que o DEPED, engloba outros setores como o Núcleo de Acompanhamento Psicopedagógico e de Assistência Estudantil (NUAPE-PG), que por sua vez abarca o NAI-PG, órgão que atua frente às questões de acessibilidade e inclusão no Campus Ponta Grossa.

Professor de Ciências Biológicas em nível superior desde 2010, Igor ingressou como professor na UTFPR em 2017. Trabalha com ecologia, que foi a área de estudo de suas pesquisas no mestrado e no doutorado. Atualmente é o Coordenador do Curso de Ciências Biológicas, do Campus Ponta Grossa. “A interação que eu tenho com pessoal do NAI, com a Talícia e os demais servidores [que atuam com] a inclusão (...) é bem significativa, bem importante”, destaca.

Igor também falou um pouco sobre a função do Ecólogo e sobre sua atuação no desenvolvimento de pesquisas. O professor destacou a importância desse profissional para responder as questões cientificas quanto às interações de qualquer organismo vivo, com outros organismos e o meio ambiente. “Quando você tem qualquer situação, em que você tem um organismo envolvido, seja planta, um vírus, uma bactéria, um animal ou o próprio ser humano (...), que tenha qualquer pergunta científica que você queira responder sobre essa interação, o profissional mais indicado para investigar essas questões é o ecólogo”, afirma. 

A entrevista tratou de vários temas relevantes como o Plano de Desenvolvimento e Capacitação Docente (PDCD) para novos docentes, a importância da inclusão no ensino superior e a garantia da aplicação de direitos e políticas públicas. A conversa também abordou descobertas científicas na região de Ponta Grossa e falou sobre a extensão como forma de popularizar a produção científica. Outro tema destacado foi o acompanhamento de uma aluna surda do Curso de Ciências Biológicas e como esse trabalho influencia no seu desenvolvimento acadêmico, dentro e fora instituição.

Para saber mais sobre a trajetória inspiradora dos nossos entrevistados, clique aqui e acompanhe na integra o sétimo episódio do Podcast em comemoração aos 30 anos de aniversário do Campus Ponta Grossa, uma parceria do Projeto de Extensão Livre com Ciência e a Assessoria de Comunicação (ASCOM-PG).