Protetores faciais

Publicado 9/1/2020, 11:13:08 AM, última modificação 9/1/2020, 11:23:59 AM
Universidade entrega 5480 protetores faciais e beneficia 12 diferentes instituições de Ponta Grossa

O atual momento de pandemia pelo qual passamos tem mostrado como a missão de “construir e compartilhar soluções reais aos desafios da sociedade” cumpre-se na Universidade Tecnológica Federal do Paraná. Na última semana do mês de agosto, representantes do câmpus Ponta Grossa finalizaram a entrega de 5480 protetores faciais para instituições de saúde e segurança pública de Ponta Grossa.  Os equipamentos de proteção individual auxiliarão aos profissionais que estão na “linha de frente” do combate à pandemia do vírus SARS-CoV-2 (novo coronavírus).

A produção de aproximadamente seis mil protetores faciais do tipo face shield aconteceu no prazo de pouco mais de um mês, após a aprovação de projeto coordenado pelo professor Thiago Antonini Alves, em edital de ações institucionais para o combate à COVID-19. “O Ministério da Saúde recomenda, aos profissionais da saúde e segurança pública, a utilização do face shield para aumentar a proteção do rosto como um todo, de gotículas e respingos. Estas pessoas estão no combate direto ao vírus, por isso precisam de equipamentos que aumentem sua segurança e diminuam o risco de proliferação do vírus”, relata o coordenador do projeto e chefe do departamento de Mecânica da UTFPR Câmpus Ponta Grossa.

Em Ponta Grossa, as instituições beneficiadas com a doação de protetores faciais foram:

  • Fundação Municipal de Saúde (1680 unidades)
  • Hospital Universitário (720 unidades)
  • Pronto Socorro Municipal (480 unidades)
  • Hospital Bom Jesus (480 unidades)
  • Hospital Unimed (480 unidades)
  • Hospital da Criança (480 unidades)
  • Hospital São Camilo (120 unidades)
  • Corpo de Bombeiros (120 unidades)
  • Hospital Santa Casa (480 unidades)
  • Polícia Civil (40 unidades)
  • Guarda Municipal (80 unidades)
  • Departamento Penitenciário (320 unidades)

Outras duas dezenas de protetores foram enviadas para o Câmpus Dois Vizinhos da UTFPR, a fim de auxiliar na proteção dos responsáveis pela implantação de um Laboratório de Diagnóstico Molecular (BioMol) do novo Coronavírus, estes equipamentos serão parte dos paramentos de segurança utilizados por aqueles que trabalharão no ambiente de pesquisa.

Os protetores faciais doados são produzidos a partir de uma suspensão em plástico injetado com folha PET transparente, tornando-se de fácil assepsia, baixo custo e rápida produção em larga escala. O professor Guataçara dos Santos Junior, membro do projeto e Diretor de Pesquisa e Pós-Graduação do câmpus Ponta Grossa, explica que a produção de face shields visa “atender a alta demanda por equipamentos de proteção individual que os hospitais, centros de saúde e órgãos responsáveis pela segurança pública; a UTFPR, como instituição parceira da comunidade, viu nesta demanda a necessidade de atuação para auxiliar com soluções inovadoras e práticas”.

Fazem parte do projeto também a Diretora de Planejamento e Administração do câmpus Ponta Grossa, Joslaine Marcia Iansen, os servidores Daiane Maria de Genaro Chiroli, Gilberto Zammar, Hugo Valadares Siqueira, Laercio Javarez Junior, Lusiana Terezinha Vaurek Dimbarre, Romeu Miqueas Szmoski, Sergio Mazurek Tebcherani e Yara de Souza Tadano, e os alunos de engenharia mecânica Victor Vaurek Dimbarre, Rogério de Oliveira Souza e Pedro Leineker Ochoski Machado. O edital de apoio financeiro que tornou possível a realização do projeto é uma ação das Pró-Reitorias de Relações Empresariais e Comunitárias (PROREC), Pesquisa e Pós-Graduação (PROPPG), e Planejamento e Administração (PROPLAD) da Universidade Tecnológica Federal do Paraná.