SOS Pandemia

Publicado 3/31/2020, 9:21:41 AM, última modificação 11/7/2022, 11:25:43 AM
Aplicativo SOS Pandemia é criado em uma parceria entre UTFPR Ponta Grossa e UEPG

Em meio à pandemia mundial, provocada pelo vírus COVID-19, muitas ações voluntárias de solidariedade têm surgido, derivadas de necessidades antes desconhecidas por todos. O aplicativo SOS Pandemia é uma ideia que também surgiu desta forma, e tem o objetivo de interligar as demandas e as ações voluntárias, facilitando a comunicação entre todos. Esta nova plataforma está sendo implantada pela UTFPR Ponta Grossa, com o apoio do Programa de Ciências da Saúde e Hospital Universitário da UEPG.

Além do aplicativo, o SOS Pandemia funcionará também como um endereço da web. Como explica a professora Sani Rutz, todos poderão ajudar. “O objetivo é que os hospitais e unidades básicas de saúde indiquem quais as suas necessidades - equipamento de proteção individual, mantimentos, aventais, máscaras, entre outros. Após o cadastro destas necessidades, empresas e os próprios membros da comunidade poderão se organizar para a doação destes materiais”, reforça a coordenadora institucional do projeto. 

Semelhante a outros aplicativos já existentes, o SOS Pandemia buscará cadastrar o maior número unidades de saúde; desta forma o combate COVID-19 poderá ser intensificado e mais eficiente. O cadastro tem previsão para início dentro de poucos dias (na primeira semana de abril), assim que a plataforma for oficialmente lançada, por isso pede a atenção de todos que possam colaborar. Ao final deste processo, com o apoio de todos, o sistema de saúde poderá prestar um atendimento digno a todos e não entrar em colapso.

Além da coordenação do projeto, no papel da professora Sani Rutz, a equipe conta com o professor Max Mauro Dias Santos; os alunos Diego Schlosser, Hernani Cruz, Edson da Silva Júnior, João Castilho; além do proprietário da Web Age Informática, Jeferson Almeida; e do professor Ricardo Zanetti, coordenador do curso de Medicina da UEPG. 

O projeto SOS Pandemia foi contemplado pelo edital emergencial 06/2020, lançado pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná, no último dia 23 de março de 2020. Com a aprovação neste edital, o aplicativo terá apoio financeiro para sua produção e manutenção.