Defesa de Tese

Professora Maria Fátima Nicodem e a Tese sobre "Cinema na Educação"
Defesa de Tese

Profa. Fátima e Banca

Em 17 de dezembro de 2013, no Anfiteatro do PPE/UEM, a pesquisadora Maria Fatima Menegazzo Nicodem defendeu sua tese de doutorado em Educação, orientada pela Professora Doutora Teresa Kazuko Teruya, Pós-doutora pela UNB e membro do Programa de Pós-Graduação em Educação – UEM (Capes 5).

O tema pesquisado e primorosamente desenvolvido durante dois anos deu à tese o título de “A OBRA LITERÁRIA VAI AO CINEMA: UM ESTUDO DAS PRÁTICAS DOCENTES EM LITERATURA BRASILEIRA”. É considerada uma abordagem inédita, porque é uma pesquisa sobre cinema na Educação, sob o foco da ação docente e da formação de professores para o uso dessa mídia em sala de aula.

A pesquisa já teve desdobramentos com trabalho apresentado em Viena, na Áustria, um trabalho previsto para abril na Argentina e outro, também no mês de Abril em Portugal.

A professora e pesquisadora pertence a um sólido Grupo de Pesquisa da UEM, o GEPAC – Grupo de Estudos e Pesquisa em Psicopedagogia, Aprendizagem e Cultura, no qual se insere a pesquisa que resultou em sua tese. A professora também é líder do Grupo de Pesquisa em Estudos Culturais na Educação, da UTFPR que encaminha trabalhos e pesquisas sobre multiculturalismo, diversidade, transculturalidade e educação.

A banca foi composta pelos Professores João Luiz Gasparin (UEM), Ivete Brotto (UNIOESTE), Carmen Célia Bastos (UNIOESTE), Maura Morita Vasconcellos (UEL), além de Teresa K, Teruya, orientadora (UEM). O trabalho foi julgado pela banca como um dos melhores na área de estudos de cinema na educação, tendo sido indicado para publicação.

A tese relata os resultados da investigação sobre as práticas docentes com o uso de mídias cinematográficas baseadas em obras literárias. Objetivou conhecer na ação de professores/as de língua e literatura o desempenho do uso de mídia cinematográfica como estratégia para o incentivo à leitura de obras literárias. Com base nos estudos culturais e nos estudos de literatura e cinema no espaço escolar, especialmente autores como Hall, Williams, Bauman, Martin-Barbero e Canclini, Sarlo, Benjamin, Malard, Labaki, Foucault, Fantin e Colomer, entre outros, foram analisados teoricamente sobre o uso de mídias na educação, em especial no ensino de literatura.

As obras fílmicas ou mídias cinematográficas situam-se num panorama em contínua transformação e se inserem entre os objetos de estudo e pesquisa da pós-modernidade. A conclusão foi de que o uso dessas mídias não substitui, sob qualquer hipótese, a leitura da obra literária, por isso a cinematografia inspirada na literatura serve como estratégia de apoio para articular e incentivar as atividades de leitura. Isto se evidencia nas respostas dos/as professores/as sujeitos, como também nos estudos do referencial teórico utilizado para analisar o tema e o conjunto de dados levantados.

Parabéns à professora Dra. Maria Fátima Nicodem pela conquista de tão nobre título acadêmico!

Ações do documento