Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Geral > Estude na UTFPR > 10 motivos para estudar em uma universidade pública
conteúdo

Notícias

10 motivos para estudar em uma universidade pública

Graduação

Saiba as diferenças entre uma instituição pública e privada
última modificação: 05/04/2021 15h03
10 excelentes motivos para estudar em uma universidade pública (Foto: Decom)

10 excelentes motivos para estudar em uma universidade pública (Foto: Decom)

As universidades públicas oferecem cursos de graduação para a comunidade, além de realizar atividades de extensão e desenvolver pesquisas para solucionar problemas reais. Elas podem ser instituições federais, como a UTFPR, estaduais ou municipais.

Para elas, a prioridade deve ser o interesse social, pensando na qualidade de ensino, na inserção do egresso no mercado de trabalho e no desenvolvimento da região em que está presente. As federais possuem autonomia na gestão e, com isso, o dever de prestar contas todo ano aos órgãos de controle e à população em geral.

É uma realidade que pode se distanciar de instituições privadas, que visam primeiro os lucros e a redução máxima de custos. Estas organizações podem ser adquiridas por outros grupos de ensino a qualquer instante ou sofrer demissões e alterações em mensalidades de forma repentina, de acordo com os rendimentos ou interesses econômicos.

Confira a seguir os 10 diferenciais de uma universidade pública.

👍 Ensino 100% gratuito
Os cursos de ensino superior das universidades públicas são ofertados sem fazer a cobrança de mensalidades. Também têm a possibilidade de dar um apoio financeiro a quem mais precisa.

Na UTFPR, são oferecidas 111 opções de graduação em 13 câmpus no Paraná. Além de não pagar nada, o estudante pode solicitar bolsas, utilizar um dos 12 restaurantes universitários e ter acesso a 410 mil livros físicos e 200 mil obras digitais das 14 bibliotecas.

📥 Ingresso pelo Enem sem taxas
A entrada do aluno na graduação pode ocorrer de diferentes formas. No caso das universidades federais e estaduais, é possível se inscrever gratuitamente só com a nota do Enem pelo site do Sisu, entre 6 e 9 de abril, para concorrer a 211.459 vagas em 5.685 cursos de todo o Brasil.

Entre elas, a UTFPR é a que tem maior oferta da região Sul do país, por meio do Sisu, com 4.520 vagas para o primeiro semestre de 2021. Outras vagas também vão ser ofertadas no segundo semestre deste ano. Para mais detalhes, veja o edital na íntegra.

🎓 Qualidade de Ensino
O Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) avaliou 6.360 cursos de estabelecimentos privados e 2.008 do ensino público em 2019. Mesmo em menor número, as instituições públicas representam 81,4% dos cursos com notas máximas, enquanto as organizações privadas correspondem a apenas 18,6%.

A UTFPR foi a universidade com mais cursos com conceito máximo no Enade no Paraná. No estado, 49 cursos atingiram a nota mais alta, sendo 39 de instituições públicas e 10 de instituições privadas.

💛 Inclusão
Pela Lei de Cotas, as universidades federais reservam 50% das vagas dos cursos de graduação para estudantes que fizeram todo o Ensino Médio na rede pública de ensino.

Estas cotas também estão presentes na UTFPR, incluindo categorias específicas destinadas a alunos de baixa renda; autodeclarados pretos, pardos e indígenas; e pessoas com deficiência.

💰 Oportunidades e bolsas
As universidades federais ofertam programas de assistência estudantil, mobilidade, apoio à extensão, acessibilidade, tutoria, iniciação científica e à docência.

Na UTFPR, há programas acadêmicos, institucionais, de pesquisa e extensão. Só em 2019, foram concedidas 16.379 bolsas de auxílio estudantil, 573 de apoio à participação em eventos, 50 para ações de protagonismo, 625 de monitoria, 173 para trabalhos de conclusão de curso, 455 de iniciação científica e tecnológica, 183 de extensão e inovação e 143 de dupla diplomação. Além disso, proporciona oportunidades de intercâmbio acadêmico, científico e profissional junto a 115 instituições conveniadas de 28 países.

👩‍🎓 Profissionais qualificados
Nas instituições públicas, os profissionais são contratados por meio de concursos e processos seletivos. No caso de professores, são feitas várias etapas que incluem prova de conhecimentos específicos, avaliação de produções acadêmicas e científicas e teste de aula prática, além da análise de titulação de mestrado ou doutorado. Os docentes têm carga horária definida para sala de aula e para atendimento ao aluno, além de poder coordenar projetos culturais, esportivos, comunitários e de pesquisa.

Na UTFPR, são 2.778 docentes, sendo 1.946 doutores e 773 credenciados em Programas de Pós-Graduação. Também há 1.179 técnicos-administrativos, contratados com a formação exigida de acordo com a atribuição desempenhada.

💡 Inovação nacional
Entre as 20 principais instituições com patentes de invenção, 17 são universidades públicas e três são empresas. Já, na modalidade de programas de computador, 16 são universidades públicas, duas são instituições privadas e duas são empresas.

A UTFPR se destaca em 1º lugar nacional em programas de computador, com 101 registros de softwares. Também está em 1º no Paraná e em 11º no Brasil na modalidade de patentes de invenção, com 35 depósitos.

🔍 Conhecimento Científico
Dados da Clarivate Analytics de 2019 apontam que as universidades públicas formam 95% da pesquisa nacional. Entre 2014 e 2018, das 50 instituições que mais publicaram trabalhos científicos no Brasil, 43 são universidades públicas, sendo 36 federais e sete estaduais; seis são institutos de pesquisa governamentais; e uma particular. A UTFPR está neste grupo na 34ª posição neste ranking.

📈 Empreendedorismo
Cerca de 43% das incubadoras de empresas estão em universidades públicas, sendo 35% nas federais e 8% nas estaduais, enquanto 18% estão em instituições privadas, de acordo com a Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec), em 2019.

Para começar o próprio negócio, os alunos da UTFPR contam com o apoio de uma Agência de Inovação, 13 hotéis tecnológicos e oito incubadoras. Até 2019, já foram criadas 42 empresas juniores e 29 empresas incubadas.

🌎 Extensão
As universidades públicas promovem projetos sociais e ambientais para a disseminação do conhecimento e para beneficiar a comunidade, por meio de recursos públicos e/ou privados.

Em 2019, na UTFPR, foram promovidos 22 programas de extensão, 271 cursos e mais de mil projetos artísticos e culturais, que chegaram a beneficiar cerca de 900 mil pessoas. 

E se o seu sonho é fazer parte deste universo de oportunidades, é só colar na página de Futuros Alunos da UTFPR 😉