Home
/
Campus
/
Campus Toledo
/
Notícias
/
Pesquisa desenvolvida por aluno de Engenharia Civil avalia o uso do lodo de estação de tratamento de água para produção de tijolos

Pesquisa desenvolvida por aluno de Engenharia Civil avalia o uso do lodo de estação de tratamento de água para produção de tijolos

Publicado 4/12/2024, 5:47:15 PM, última modificação 4/25/2024, 4:56:21 PM

Aluno Fernando Neves preparando os tijolos para os ensaios

Aluno Fernando Neves preparando os tijolos para os ensaios

Tratando sobre a destinação de resíduos, o trabalho desenvolvido pelo aluno Fernando Antônio Neves, para conclusão do curso de Engenharia Civil no Campus Toledo da Universidade Tecnológica Federal do Paraná, orientado pelo professor José Gustavo Ramos, atualmente lotado no Instituto Federal de Goiás, resultou em artigo publicado recentemente pela Revista em Agronegócio e Meio Ambiente – RAMA.

A pesquisa avaliou a possibilidade de emprego do lodo de estações de tratamento de água como substituto parcial do solo para produção de tijolos de solo-cimento.De acordo com os atuores, os tijolos de solo-cimento são produzidos por prensagem de uma mistura de solo, cimento e água, e empregados como elementos de vedação em edificações. Do ponto de vista ambiental, este material se destaca pela sustentabilidade em relação aos tijolos cerâmicos convencionais, visto que sua produção dispensa o processo de queima, responsável pela maior parte das emissões de gases de efeito estufa.

Os resultados demonstraram a possibilidade de substituição de até 10% da massa de solo por lodo sem alteração significativa na resistência dos tijolos. Além disso, a substituição do solo por 15% de lodo, apesar de reduzir a resistência ainda atingiu o valor mínimo requerido pela norma brasileira.O trabalho contou com a colaboração dos professores Taylana Piccinini Scolaro, Tassiane Apolinário de Oliveira, Ricardo Schneider e Gustavo Savaris, e parceria com as empresas ECOTOL e SANEPAR.

Confira o artigo na íntegra, clicando aqui.

Medição dos tijolos

Teste de ruptura dos tijolos nos laboratórios da UTFPR Toledo