Home
/
Notícias
/
Curitiba
/
Estudantes de Arquitetura conquistam 2º lugar em concurso nacional

Estudantes de Arquitetura conquistam 2º lugar em concurso nacional

Publicado 9/28/2023, 11:06:36 AM, última modificação 9/28/2023, 11:30:49 AM
Equipe participou do Concurso Brasileiro de Construção em Aço

Estudantes projetaram escola autossuficiente que inclui comunidade e família (Foto: arquivo pessoal).

Os estudantes Gustavo Ribas Azzolini, Juliana do Vale Tojal, Thiago Biazus Danieleski e Tiago Beithum Galdeano, com a orientação das professoras Thais Sabóia e Karina Pimentel, do curso de Arquitetura e Urbanismo da UTFPR Curitiba, conquistaram o 2º lugar no 16º Concurso do Centro Brasileiro da Construção em Aço (CBCA) para Estudantes de Arquitetura. A competição é considerada uma das mais disputadas da área e, nesta edição, 57 projetos foram submetidos, sob a temática “Educação de qualidade”, ao desafio do uso correto do aço, tanto nos aspectos conceituais e arquitetônicos, como nos aspectos tecnológicos e construtivos.

O projeto dos estudantes da UTFPR-CT idealizou uma escola com um ambiente físico que une educação à segurança alimentar, buscando incluir a comunidade e a família dos alunos no ambiente escolar. O edifício seria mantido de forma autossuficiente, com painéis solares, e captação de água da chuva por meio de um aqueduto. Além disso, há uma estufa, o principal equipamento da escola, para estimular o contato com a natureza e a alimentação segura. Toda a estrutura é mantida elevada do solo para evitar que os apoios toquem o chão e interfiram no ambiente local.

“Estou muito feliz com a segunda colocação de nossa equipe de estudantes do Curso de Arquitetura e Urbanismo da UTFPR num concurso de projetos de abrangência nacional. Foi um verdadeiro trabalho coletivo, envolvendo, além de arquitetos, a consultoria de docentes engenheiros e, inclusive, professores que lecionam em outras instituições, além de profissionais pertencentes a destacados escritórios de arquitetura de Curitiba - onde os estudantes fazem estágio. A equipe discente soube retribuir a esta valiosa oportunidade, enfrentando com responsabilidade e criatividade o desafio do concurso, materializando-o num belo e delicado projeto”, comentou a professora Thais Sabóia.

Dentre os principais objetivos do concurso, destacam-se: reconhecer o desenvolvimento da arquitetura como disciplina fundamental para a construção do habitat no âmbito do desenvolvimento sustentável; fortalecer os processos de pesquisa acadêmica (social, econômica e ambiental) com base na formação de equipes com uma visão multidisciplinar; promover o vínculo de professores e alunos com o CBCA e o estímulo à criatividade.

Para a professora Karina Pimentel, “A experiência do CBCA é sempre um grande desafio criativo. É preciso ousar dentro de compreensíveis limites estruturais que o aço impõe, além de ser necessário criar um tema, repertório, programa e projetos atraentes às bases do concurso. Esse ano, mais uma vez, participamos e logramos êxito entre os vencedores. Enalteço o excelente entrosamento dos alunos com as professoras orientadoras, agradeço o convite para tal empreitada e louvo os momentos de engrandecimento que passamos”.