CEPRAS

Publicado 11/3/2017, 11:59:51 AM, última modificação 11/3/2017, 1:05:59 PM
Encontro na UTFPR-DV com a presença de autoridades debateu a construção do Centro de Pesquisa em Resíduos Agropecuários do Sudoeste (CEPRAS) do Paraná

Na última quarta-feira, dia 01 de novembro, o Grupo de Pesquisa em Gerenciamento e Tratamento de Resíduos (GETRAT), representado pelos professores Carlos Alberto Casali, Marina de Prá, Cleverson Busso e Almir Gnoatto, juntamente com a direção da UTFPR Câmpus Dois Vizinhos, representado pelo Diretor-Geral Everton Lozano, articulou um grande encontro para debater a problemática dos resíduos agropecuários na região, bem como a criação do Centro de Pesquisa em Resíduos Agropecuários do Sudoeste do Paraná. O encontro envolveu 50 pessoas, dentre as quais, importantes autoridades políticas da Região e do Estado, como o Secretário da SEMA (Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos), do Paraná, Antônio Carlos Bonetti, o Coordenador de resíduos sólidos da SEMA, Vinicio Bruni, do Presidente da Agência de Desenvolvimento do Sudoeste, Luiz Carlos Peretti, além de prefeitos e secretários de municípios Sudoestinos. Também se fizeram presentes representantes da Emater, da SEAB (Secretaria da Agricultura e do Abastecimento do Paraná), de sociedades rurais, empresários do ramo agroindustrial e de empresas de tratamento de resíduos, além dos mais importantes nessa cadeia, os produtores rurais.

Por mais de três horas, os participantes debateram a problemática dos resíduos agropecuários na Região Sudoeste, bem como o seu potencial para gerar riquezas, desde energia até insumos agrícolas, diminuindo assim o impacto ambiental da atividade agropecuária. Os professores do GETRAT também apresentaram a proposta de criação do Centro de Pesquisa em Resíduos Agropecuários do Sudoeste do Paraná (CEPRAS), o qual objetiva desenvolver pesquisa e extensão na área, sempre em consonância com as demandas regionais dos produtores rurais e empresários. A partir desta reunião, foram feitos importantes encaminhamentos, como o comprometimento das autoridades políticas em articular recursos para a implementação do CEPRAS e o fortalecimento do debate sobre resíduos agropecuários no Sudoeste do Paraná. Esse evento também mostrou a preocupação da UTFPR-DV em ser propulsora do desenvolvimento regional, por meio do estímulo ao desenvolvimento do Ensino, Pesquisa e Extensão focados em resolver problemas locais e de forma articulada. Esse foi apenas o primeiro encontro de outros que o GETRAT e a direção da UTFPR-DV estão planejando para a consolidação do CEPRAS e para o desenvolvimento de pesquisa e extensão sobre o gerenciamento e tratamento de resíduos agropecuários na região.