Home
/
Notícias
/
Dois Vizinhos
/
Parceria pela Vida

Parceria pela Vida

Publicado 5/6/2020, 3:01:39 PM, última modificação 1/11/2023, 4:01:50 PM
Implantação de um Laboratório de Biossegurança Nível 2 possibilitará a realização de diversos exames moleculares para a detecção de doenças como dengue, Chikungunya e COVID-19 bem como a realização de pesquisas científicas.

Parceria pela vida: UTFPR -DV implantará um laboratório para fazer exames da COVID-19

Na quarta-feira, dia 05/05, a Reitoria da UTFPR e a Direção-Geral do Câmpus Dois Vizinhos juntamente com o distrito 4640 do Rotary Internacional e a Prefeitura Municipal de Dois Vizinhos selaram uma parceria estratégica importante para toda a região Sudoeste do Paraná, em especial Dois Vizinhos – a implantação de um laboratório de análises moleculares por PCR em Tempo Real (PCR-RT). “Com a implantação do laboratório na UTRPR-DV e o credenciamento junto ao laboratório central do estado (LACEN), poderemos realizar as análises para a identificação da COVID 19”, informou o professor Everton Lozano, Diretor-Geral da UTFPR-DV. O diretor salienta que se trata de um ganho muito importante para o sudoeste do Paraná, visto que toda a região poderá ser atendida de maneira mais célere na realização dos exames, desafogando as demandas do LACEN.
O investimento total do projeto será de aproximadamente R$ 600.000,00, com o Rotary aportando cerca de US$ 30 mil (± R$ 150 mil), a Prefeitura de Dois Vizinhos R$ 200.000,00 e a UTFPR R$ 150.000,00.
O professor Everton informa que ainda estão em tratativas com outras entidades para a complementação dos recursos, estando em estágio avançado nas negociações. Além disso, o Câmpus DV está ajustando o seu orçamento para contribuir no projeto, custeando a reforma de adaptação do laboratório e bolsas de estudo para os alunos da pós-graduação que realizarão as análises juntamente com a equipe de professores.
Os trabalhos burocráticos, o projeto de reforma do espaço, edital para seleção de alunos e os processos de compra de equipamentos e insumos já iniciaram nesta quinta-feira (06/05). De acordo com o professor o objetivo é dar celeridade a todo o processo, visando iniciar as atividades o quanto antes.
O professor Everton também destaca a qualificação da equipe técnica que está a frente do projeto, composta por 8 professores doutores e com experiência em análises moleculares. O diretor salienta, ainda, que do ponto de vista global toda a comunidade será beneficiada: o Sudoeste ganhará um laboratório de referência, o município ganhará celeridade nos exames de COVID-19 e a Universidade ganhará um espaço moderno para pesquisa e pós-graduação: “quando essa pandemia passar, ficaremos com uma estrutura para a realização de outros exames, ou seja, teremos ganho nos aspectos de saúde, sociais e técnico-científicos, em um projeto que envolve o poder público federal, municipal e a sociedade civil organizada”, conclui.
“É uma grande satisfação poder contribuir com a sociedade nesse âmbito. Essa parceria evidencia a importância da união de esforços para a resolução dos problemas sociais, bem como a importância da Universidade Pública para o desenvolvimento local e nacional. A UTFPR está fazendo sua parte e estamos fazendo a diferença na sociedade”, finaliza o professor Everton Lozano, agradecendo à todos os envolvidos.