Cultura

Publicado 11/8/2022, 11:48:09 AM, última modificação 11/28/2022, 10:38:12 AM
Lançamento de livros, exposição e premiação a leitores se destacam na programação da Semana Nacional do Livro e da Biblioteca do campus

Arte referente à Semana Nacional do Livro e da Biblioteca

Na semana de 23 a 27 de outubro, o Departamento de Biblioteca, da UTFPR, Campus Pato Branco, organizou uma programação comemorativa, alusiva à Semana Nacional do Livro e da Biblioteca, celebrada desde 1980 (Decreto nº 84.631).

As atividades realizadas visaram incentivar a leitura e destacar a importância do livro e da biblioteca na disseminação da informação e do acesso às diversas formas de manifestações artísticas e culturais.

A programação iniciou com duas ações que passam a ser regulares e coordenadas pela Biblioteca do Campus: Tô na Estante, divulgação mensal da relação das novas obras inseridas no acervo do Campus; e Vitrine – Dicas de Leitura, divulgação de sinopses e percepções sobre obras, enviadas por leitores da comunidade acadêmica. Esta ação ocorrerá no formato de fluxo contínuo e toda a comunidade pode participar enviando as indicações para a Biblioteca.

No viés de valorização das produções literárias e científicas dos servidores e alunos, destacou-se na programação o primeiro evento Lançamento de Livros – Pratas da Casa, realizado no dia 25 de outubro.

Estiveram presentes na solenidade, o diretor-geral do Campus, professor Gilson Ditzel Santos, o diretor de Graduação e Educação Profissional, professor Gustavo Lacerda Dias, a professora da área de Língua Portuguesa/Linguística, Vanda Mari Trombetta, representando a professora Camila Paula Camilotti, coordenadora do Curso de Licenciatura em Letras Português/Inglês, a responsável pela chefia do Departamento Acadêmico de Letras, professora Denize Terezinha Teis, a chefe do Departamento de Biblioteca, Maria Juçara Vieira da Silveira, servidores e alunos autores e organizadores, ilustradores das obras, servidores e familiares dos autores/organizadores.

A obra lançada Conversaiando com mulheres das letras, organizada pelas professoras do Campus Pato Branco, Rosangela Aparecida Marquezi e Letícia Lemos Gritti e a jornalista e egressa do Programa de Pós-Graduação em Letras (PPGL), Daiana Pasquim e ilustrada por Lucas Piaceski, foi publicada em 2020, período de pandemia do Covid-19.

A publicação, segundo as organizadoras, contempla “ensaios afetivos de mulheres, por mulheres. De distintas épocas e de diferentes lugares, sem preocupação com linha temporal, ou de espaço, mas que de alguma forma, têm feito a história do desenvolvimento feminino. Em comum, o poder da palavra! Mulheres das Letras e da Educação que, durante quatorze noites, à Scherazade, se reuniram para compartilhar e lançar holofotes sobre vidas que as inspiram: Jane Austen, Virginia Woolf, Cecília Meireles, Oneyda Alvarenga, Maria Beatriz Nascimento, Maria Antonieta Alba Celani, Harper Lee, Leda Bisol, Leonor Scliar-Cabral, Lygia Bojunga, Adélia Prado, Bonnie Bremser, Maria Valéria Rezende e Conceição Evaristo. Mulheres únicas, reunidas numa só edição”. O livro tem 226 páginas e foi publicado pela Páginas Editora.

O e-book  Delimitando significados de alguns itens do Português Brasileiro: um pouco de tudo, organizado pelas professoras do Campus Pato Branco, Letícia Lemos Gritti e Lovania Roehrig Teixeira, resulta de trabalhos de pesquisa realizados pelos mestrandos e mestrandas do Programa de Pós-Graduação em Letras (PPGL), do Campus Pato Branco (UTFPR-PB).

De acordo com as organizadoras, especificamente, a obra é resultante da participação ativa e perseverante de 15 alunos matriculados em Tópicos em Semântica e Pragmática, no primeiro semestre de 2021 e da idealização da docente ministrante do PPGL, Letícia Lemos Gritti, também uma das organizadoras do livro. A disciplina de Tópicos em Semântica e Pragmática é uma das disciplinas eletivas do PPGL e nela são trabalhados aspectos ligados ao temido núcleo duro da Linguística, a partir da Semântica, e aspectos extralinguísticos envolvidos no uso da linguagem, a partir da Pragmática. Assim, apesar de a disciplina ser um dos componentes curriculares que trabalha o viés estrutural das línguas naturais, ela não deixa de considerar as condições extralinguísticas que participam da construção de sentidos, o que vem ao encontro do objetivo da linha de pesquisa Linguagem, educação e trabalho do PPGL na qual a disciplina encaixa-se. Outra característica marcante desse grupo de alunos, e agora autores dos capítulos deste livro, é que, em sua maioria, eles são professores de escolas particulares e públicas da região de Pato Branco (PR).” A busca desses profissionais por aprimoramento e por conhecimento em relação à construção dos significados das palavras, expressões, sentenças e afins, levou-nos a considerar que as pesquisas elaboradas por eles para a disciplina poderiam se tornar capítulos de um livro, pois o empenho durante e após a disciplina foi grande”, destacou Letícia. O e-book tem 156 páginas e foi lançado pela Pontes Editora.

E a terceira obra lançada Hilário e Maria Eugênia na terra do troca-letras, de autoria do mestrando do PPGL, Marcos Cristovam Lopes de Paula, ilustrada por Lauro Paredes, mostra a grande diferença que ocorre no sentido das palavras, quando se faz uma "simples" troca de letra (ou de um fonema). Também traz um elevado estímulo à criatividade, pela história em si, e pelas atividades ao final do livro. O livro tem 28 páginas e foi lançado pela Editora Word Master Brasil.

Em seu pronunciamento, o diretor-geral, Gilson Ditzel Santos, parabenizou os professores e alunos de Letras, organizadores e autores pelo trabalho realizado, especialmente, pelas produções, pela diversidade de temas trabalhados: religião, crianças, produção científica e mulheres.

Na programação do dia 26 de outubro, aconteceu a Exposição de Livros – Pratas da Casa, com a participação de professores e alunos do Campus e da empresa Letra Café Livraria de Pato Branco.

O professor do departamento acadêmico de Humanas (DAHUM), Nilson de Farias, expôs sua obra, publicada em conjunto com a professora do mesmo departamento, Marlize Rubin Oliveira, intitulada Internacionalização da educação superior: olhares do sul, publicada em 2021 pela Editora Navegando.

Lançado no evento de véspera, o egresso do PPGL, Marcos Cristovam Lopes de Paula, prestigiando o Pratas da Casa, também recepcionou os visitantes e prestou informações sobre a obra Hilário e Maria Eugênia na terra do troca-letras.

O acadêmico do oitavo período do curso de Letras, Vinícius André (Vinícius Osterer) interagiu com os visitantes e compartilhou oito títulos de sua autoria: Predador Sexual (Romance); 11º Concurso Francisco Beltrão de Literatura (Antologia); Tudo em versos: Coletânea de autores do sudoeste do Paraná (Antologia); Derrota! (Poesia); Lua Elétrica (Poesia); O Vence.Dor (Poesia); Ânus Floridos (Contos); e 3º Prêmio Literário Afeigraf (Antologia).

Para encerrar a programação, ocorreu a divulgação dos vencedores do Prêmio Leitor UTFPR-PB 2022. Osacadêmicos classificados são dos cursos de graduação do Campus: em primeiro lugar, com o mesmo número de livros (137 livros), os acadêmicos Maycon Antonio da Silva Castro (Engenharia de Computação)e Nilla Gabriela Voitena de Farias (Química); em segundo lugar (120 livros), Gabriel Hithalo Tavares da Silva (Engenharia Elétrica); em terceiro lugar (114 livros), Marcos Maurício Schneberger (Engenharia de Computação); em quarto lugar (97 livros), Felipe Augusto Bueno Rossi  (Química); e em quinto lugar (94 livros), Felipe de Freitas Pastora (Engenharia Elétrica).

Em reconhecimento e incentivo aos classificados, os leitores foram presenteados com livros doados, gentilmente, pelas empresas parceiras e apoiadoras: Letra Café, Ônibus do Saber, Livraria Prepel e Livraria Oceano.

 

 

Maycon Antonio da Silva Castro

1º Lugar

 

Nilla Gabriela Voitena de Farias

1º Lugar

 

Gabriel Hithalo Tavares da Silva

2º Lugar

 

 

Marcos Maurício Schneberger 

3º Lugar

 

Felipe Augusto Bueno Rossi

4º Lugar

 

Felipe de Freitas Pastora

5º Lugar

“Entendemos que a promoção de eventos dessa natureza, vai ao encontro das diretrizes institucionais e consolidam a valorização da pluralidade cultural, no contexto acadêmico. Que possamos ampliar a iniciativa e torná-la cada vez mais rica de oportunidades, agregar mais participantes e selar o calendário acadêmico do Campus para futuras edições da Semana Nacional do Livro e da Biblioteca”, declarou a servidora Neiva Regina Pizato, coordenadora do evento.

Algumas atividades previstas nesta edição, segundo ela, serão concluídas em breve, como a remodelação visual da entrada do bloco W e da Vitrine de Dicas de Leitura (ao lado do xerox).