Home
/
Notícias
/
Pato Branco
/
Solidariedade

Solidariedade

Publicado 3/26/2020, 5:40:30 PM, última modificação 11/3/2022, 5:38:59 PM
Servidores e alunos do Câmpus Pato Branco se mobilizam em iniciativas preventivas ao COVID-19

Desde o início da segunda quinzena do mês de março, com base nas medidas preventivas e protetivas à multiplicação da pandemia da Covid-19 e em meio à crise de saúde pública, evidenciada em todo o País e no mundo afora, um grupo de servidores e alunos voluntários da UTFPR, Câmpus Pato Branco, estão se mobilizando e se engajando em diferentes iniciativas, voltadas à comunidade externa e interna, com o objetivo de minimizar os impactos causados pela doença.

Uma das ações que estão sendo realizadas, desde o início desta semana (23) é a produção de máscaras em impressoras 3D. Um grupo de aproximadamente 15 pessoas, composto por professores do Câmpus e outros profissionais, duas startups incubadas na UTFPR (Tesserato e a Compre3d), a Prefeitura Municipal de Pato Branco, a FIEP e outras pessoas que possuem impressora 3D em casa estão contribuindo com a impressão de máscaras faciais.

Conforme informações prestadas pelo professor do departamento acadêmico de Informática (DAINF) e colaborador do projeto, Vinícius Pegorini, as peças são impressas com tecnologia 3D FDM (Fused Deposition Modeling). A impressora 3D FDM produz objetos camada por camada, ou seja, por sobreposição. O sistema de técnica de fabricação aditiva cria objetos utilizando vários materiais como resinas, cerâmica, plásticos e até mesmo tecidos humanos e alimentos. Esta que está sendo produzida, a impressora utiliza um filamento termoplástico que é aquecido até chegar ao seu ponto de fusão e, em seguida, é extrusado camada por camada até se tornar um objeto tridimensional.  “Todos os voluntários estão imprimindo com o estoque pessoal, ou seja, estão doando os filamentos que possuem em casa/empresa”, informou o professor Pegorini.

A parceria já possibilitou a produção de 43 máscaras, sendo que as mesmas estão sendo destinadas à Secretaria Municipal de Saúde para distribuição às Unidades de Pronto Atendimento (UPA), hospitais e outras entidades que necessitem.

Havendo outras pessoas interessadas em participar do projeto ou doar algum material como filamento PLA para a confecção das máscaras, podem entrar em contato, via e-mail com Vinicius Pegorini (vinicius@utfpr.edu.br) ou Rafael Mezzalira (c4rafael@gmail.com).

Outros dois projetos, os quais estão em fase de desenvolvimento e contam com a participação do professor do departamento acadêmico de Engenharia Elétrica (DAELE), Ricardo Bernardi, consistem no desenvolvimento de ventiladores pulmonares de baixo custo, em parceria com o Câmpus Curitiba, e a criação de um sistema para esterilização das roupas dos profissionais de saúde, militares e demais pessoas que estão trabalhando no combate à Covid-19. O projeto do Ventilador Pulmonar de baixo custo conta com o apoio dos professores dos departamentos de Elétrica, Mecânica e Computação, do Câmpus Pato Branco.

Simulação de teste no protótipo do  Ventilador Pulmonar de baixo custo

Além destes projetos, uma equipe de professores do departamento acadêmico de Química (DAQUI), juntamente com a Direção-geral do Câmpus e Prefeitura Municipal, estão empenhados na obtenção de insumos indispensáveis para a produção de álcool gel (carbopol, álcool, trietanolamina, propilenoglicol). Conforme informou o professor do DAQUI, Davi Costa Silva, “devido à dificuldade em encontrar os insumos a proposta inicial seria a produção 1000 kg do álcool gel, porém não conseguimos os insumos necessários. Neste momento, resolvemos substituir alguns insumos, formulações conceituadas e aprovadas, mesmo assim o princípio ativo em maior concentração é o etanol (álcool)”, informou. O professor declarou ainda que “se conseguirem os ingredientes necessários, a equipe de Química está à disposição, incansavelmente, para a produção e distribuição”, complementou.

Em meio a este cenário, os olhares também estão voltados à comunidade interna. Pensando na nossa comunidade acadêmica, especialmente os estudantes em situação mais vulnerável, a Comissão Permanente de Saúde Mental e Qualidade de Vida da UTFPR, em conjunto com o Núcleo de Acompanhamento Psicopedagógico e Assistência Estudantil (NUAPE) e o Diretório Central dos Estudantes (DCE), do Câmpus, estão divulgando nas redes sociais e canais oficiais da Instituição um material intitulado "Saúde mental em tempos de coronavírus".

Para os organizadores, o material foi pensado, especialmente, devido ao momento pelo qual todos estão passando e que exige um esforço coletivo no enfrentamento do coronavírus. “O isolamento, que hoje é a forma mais eficaz de “achatar a curva” dos casos, pode trazer algumas consequências para a saúde mental. Ansiedade, tristeza excessiva, agitação e solidão são sentimentos que podem surgir”, destacou a psicóloga e presidente da Comissão Permanente de Saúde Mental e Qualidade de Vida da UTFPR, Giliane Shmitz.

Nesse contexto de urgência e calamidade pública, o conteúdo contempla dicas e orientações para o bem da saúde mental, tais como: organização e planejamento das atividades diárias; autocuidados em relação à saúde física e alimentação; acesso à informações; continuidade com tratamentos psicológicos e/ou psiquiátricos; ajuda ao próximo, dentre outros.

Os organizadores desta iniciativa, também orientam à comunidade acadêmica que não hesitem em procurar a equipe do NUAPE na UTFPR, amigos, familiares, ou também procurem o Centro de Valorização da Vida (188).

Em nível de Sistema, nesta quinta-feira (26), encerra o prazo para submissão de projetos de pesquisadores da UTFPR para transferência tecnológica de produtos, processos ou serviços relevantes ao combate ao novo coronavírus (Covid-19). Esta iniciativa é coordenada pelas pró-reitorias de Pesquisa e Pós-graduação (PROPPG) e de Relações Empresariais e Comunitárias (Prorec). Outras informações estão disponíveis no edital de seleção.