Home
/
Apresentação
/
Atuação profissional

Atuação profissional

Publicado 11/19/2018, 2:56:33 PM, última modificação 11/19/2018, 3:00:15 PM

Devido a sua natureza geral, o egresso tem ampla área de atuação, sendo comumente solicitado pelo mercado de trabalho para atuar como:

  • Engenheiro de Software e Analista de Sistemas.
  • Desenvolvedor ou Programador de Sistemas Web, Desktop e Mobile.
  • Desenvolvedor de Front-End, de sistemas de Computação Gráfica, de Realidade Virtual e Web Designer.
  • Arquiteto de Banco de Dados e Desenvoldedor Back-End.
  • Administrador de redes de Computadores, de Internet, Gerente de Servidores e Analista de Segurança.
  • Cientista de Dados e Consultor para Tomada de Decisões Estratégicas (Business Intelligence).
  • Gestor ou Pesquisador em Compiladores, Sistemas Operacionais e Sistemas Embarcados, sistemas de instrumentação e de controle.


A Computação se tornou indispensável nas mais diversas áreas do saber. Portanto, o profissional desenvolve soluções computacionais para problemas de áreas como automação, medicina, biologia, agricultura, robótica, música, educação e construção civil, entre muitas outras. O Bacharel em Ciência da Computação analisa e desenvolve estruturas e soluções computacionais.

Coordena e supervisiona equipes de trabalho; realiza pesquisa científica e tecnológica e estudos de viabilidade técnico-econômica; executa e fiscaliza obras e serviços técnicos. Em sua atuação, considera a ética, a segurança e os impactos sócios ambientais. 

Particularmente, a região também absorve profissionais com enfoque de computação aplicada ao agronegócio, trabalhando com a automação no campo.

Mestrado 

O Departamento Acadêmico de Computação também oferece um mestrado na linha de Computação aplicada ao agronegócio para alunos que desejem seguir pela carreira acadêmica. O objetivo do programa de mestrado é formar profissionais com capacidade de desenvolver e aplicar tecnologias computacionais para o desenvolvimento de soluções inovadoras voltadas para às áreas agrícola e agroindustrial e capacitados a atuar no âmbito do ensino e da pesquisa aplicados ao agronegócio, proporcionando que estes segmentos tornem-se autossustentáveis nos aspectos econômico e ambiental.

Reportar erro