O PPGSAU

Publicado 2/2/2017, 9:53:31 AM, última modificação 9/13/2023, 2:07:31 PM

Sobre

               O Programa de Doutorado em Sustentabilidade Ambiental Urbana – PPGSAU, cujas atividades começaram em setembro de 2019, apoia-se em dois grandes eixos temáticos, Sustentabilidade e Ambiente Urbano, cuja intersecção demanda diversidade de competências e atuação interdisciplinar. Pretende-se estudar no PPGSAU processos complexos de metropolização, abrangendo avanços nas questões de gestão e de novas tecnologias frente aos desafios da Sustentabilidade Urbana e Ambiental.
              Esta é uma proposta inédita na região e no próprio Brasil, que apresenta diversidade de programas de pós-graduação envolvendo questões de sustentabilidade ou de gestão urbana, contudo nenhum deles abordando especificamente a temática da sustentabilidade urbana e ambiental. A questão da sustentabilidade urbana e ambiental no Programa é tido como central, buscando-se atender uma demanda crescente por profissionais qualificados neste campo, considerando o processo de urbanização das sociedades e seus impactos nos sistemas naturais.
               Deste prisma, o Programa de Pós-Graduação em Sustentabilidade Urbana, nível de Doutorado, tem como objetivo formar profissionais para atuar em organizações públicas e privadas voltadas à gestão urbana sustentável. Trata-se de egresso formado a partir de perspectiva interdisciplinar com competências em prospecção, pesquisa, desenvolvimento, gestão de tecnologias e instrumentos para sustentabilidade urbana.
             

 Área de Concentração

               A área de concentração de estudos é única, a Sustentabilidade Ambiental Urbana, subdividida em duas Linhas de Pesquisa:
               (i) Instrumentos de Gestão para Sustentabilidade; 
               (ii) Tecnologias para Sustentabilidade
              No que tange à área de concentração, considera-se que a Sustentabilidade constitui desafio contemporâneo, sobretudo no âmbito urbano, onde atualmente se concentra a maior parte da população e das atividades socioeconômicas, que são responsáveis por impactos em termos ambientais, sociais e econômicos, tanto na área urbana como também refletindo em outras regiões. Os princípios da sustentabilidade são exigência social expressa na Constituição, na Legislação e nas diversas Políticas Públicas.

              A sustentabilidade é campo de conhecimento emergente, situado nas fronteiras de diversas áreas de conhecimento, tais como Biológicas, Exatas e da Terra, Engenharias, Multidisciplinares, Humanidades e Sociais Aplicadas. Em consonância com esta exigência social e convergente a este novo campo de conhecimento interdisciplinar, a proposta concentrará pesquisas na interface entre tecnologias e instrumentos de gestão urbana.

1) Instrumentos de Gestão para Sustentabilidade – IGS

         Pesquisas básicas, prospectivas e aplicadas em instrumentos de gestão para sustentabilidade urbana. Envolve desenvolvimento de métodos, técnicas de tomada de decisão, técnicas de planejamento e gestão, indicadores e avaliação de sustentabilidade urbana, sistemas de informação para sustentabilidade, processos de formação e capacitação, gestão da informação.

2) Tecnologias para Sustentabilidade – TS

        Pesquisas básicas, prospectivas e aplicadas de novas tecnologias para sustentabilidade urbana. Envolve pesquisa em: mobilidade urbana, conforto térmico e acústico, aproveitamento de resíduos (sólidos, líquidos, térmicos), sistemas de tratamento de esgoto utilizando plantas (wetlands construídos), sistemas de aproveitamento de água de chuva, paredes e telhados verdes.