Home
/
Notícias
/
Últimas notícias
/
Eleições para Reitoria: três candidatos disputarão a consulta informal

Eleições para Reitoria: três candidatos disputarão a consulta informal

Publicado 4/29/2024, 2:03:09 PM, última modificação 4/29/2024, 2:03:18 PM
Votação da consulta informal deverá ser realizada no dia 12 de junho, das 8h às 21h

Sede da Reitoria da UTFPR, em Curitiba (Foto: Decom)

A Comissão Eleitoral Paritária (CEP) divulgou na última quinta-feira (25) a relação de candidatos que participarão das eleições para Reitoria da UTFPR. As candidaturas homologadas foram as dos servidores docentes Everton Ricardi Lozano da Silva, Heron Oliveira dos Santos Lima e Marcos Flávio de Oliveira Schiefler Filho.

Formada por três representantes de cada categoria da comunidade da UTFPR (discentes, servidores docentes e servidores técnico-administrativos), a CEP é responsável por organizar a consulta informal junto à comunidade universitária. O resultado dessa consulta será encaminhado ao Conselho Universitário (Couni), que irá deliberar e formar a lista tríplice de candidatos a ser encaminhada à Presidência da República.

Segundo o cronograma divulgado pela CEP, a votação da consulta informal deverá ser realizada no dia 12 de junho, das 8h às 21h, por meio de um sistema de votação eletrônica. A apuração terá início no mesmo dia, logo após o encerramento do horário de votação.

A publicação das listas de votantes, segmentadas por categorias e campus, está prevista para o próximo dia 3 de maio.

Campanha

Com a publicação do edital das candidaturas inscritas, ainda segundo o regulamento da CEP, está autorizado o início das campanhas, a ser realizada sob a responsabilidade de cada candidatura. As campanhas deverão, conforme informa o regulamento, se pautar em princípios da liberdade de expressão, da defesa do patrimônio público e da igualdade de oportunidade.

Lista tríplice

A lista tríplice, a ser organizada a partir da consulta informal, será votada posteriormente no Conselho Universitário, em sessão agendada para o dia 28 de junho. Por serem procedimentos independentes, a eleição no Couni também exige inscrições prévias dos candidatos. O processo eleitoral no colegiado é regido por um regulamento próprio, aprovado pelos conselheiros no último mês de dezembro. Após formada, a lista tríplice será tríencaminhada ao presidente da República, autoridade que tem a prerrogativa de nomear os reitores das universidades federais brasileiras.